Radamel Falcao García e James Rodríguez vão desfalcar a seleção da Colômbia nos amistosos contra Brasil (no dia 6 de setembro) e Venezuela (10 de setembro), ambos nos Estados Unidos. Os jogadores de Monaco e Real Madrid, respectivamente, estão machucados e não foram convocados nesta terça-feira (27) pelo treinador português Carlos Queiroz.

As novidades na lista são os atacantes Rafael Santos Borré, destaque do River Plate, e o flamenguista Orlando Berrío, que tenta obter a titularidade. O volante Cuéllar, também do time carioca, não foi chamado. No setor defensivo, o zagueiro central Óscar Murillo, do Pachuca, do México, será testado ao lado de Yerry Mina, titular absoluto.

Do futebol brasileiro, além de Berrío, Carlos Queiroz convocou o lateral-direito Orejuela, do Cruzeiro. Assim, ele desfalcará o time mineiro no jogo de volta das semifinais da Copa do Brasil contra o Internacional, em Porto Alegre, no dia 4 de setembro.

Carlos Queiroz comentou sobre as suas maiores ausências. “James e Falcao são duas personalidades, com experiência, não são crianças. Eles têm uma cabeça muito clara. Eu, além das opiniões e da ajuda que estou pronto para oferecer e estar próximo, digo para que eles não se esqueçam de serem felizes. Ser feliz todos os dias dá confiança, motivação e desejo”, disse.

O técnico ficou satisfeito com os jogadores disponíveis, mas considera cedo as seleções voltarem a jogar em setembro. Serão os primeiros amistosos após a disputa da Copa América, competição na qual a Colômbia acabou eliminada pelo Chile nas quartas de final.

“Ficaremos bem nesta convocação, embora setembro seja um pouco cedo para jogar, mas faz parte do trabalho e do desenvolvimento, que serve como preparação para as Eliminatórias e para a Copa América no próximo ano”, afirmou.

O português elogiou os adversários, mas deu a entender de que gostaria de enfrentar adversários de outro continente.

“As partidas são muito boas para nós, Brasil e Venezuela, mas estamos em um momento, não apenas a Colômbia, muitas seleções, de mudanças muito difíceis. Devemos reinventar soluções para a preparação dos jogadores, com os calendários que estão agora em cada continente. É por isso que as equipes da América do Sul estão com dificuldades para encontrar rivais”, completou.

Confira a lista dos convocados da Colômbia:

Goleiros
David Ospina (Napoli-ITA);
Álvaro Montero (Deportes Tolima);
Aldair Quintana (Atlético Nacional);
Éder Chaux (Patriotas);

Zagueiros
Stefan Medina (Rayados-MEX);
Luis Manuel Orejuela (Cruzeiro-BRA);
William Tesillo (León-MEX);
Cristian Borja (Sporting Lisboa-POR);
Yerry Mina (Everton-ING);
Jhon Lucumí (Genk-BEL);
Dávinson Sánchez (Tottenham-ING);
Óscar Murillo (Pachuca-MEX);

Meio-campistas
Juan Guillermo Cuadrado (Juventus-ITA);
Daniel Muñoz (Atlético Nacional);
Wilmar Barrios (Zenit St Petersburg-RUS);
Yairo Moreno (León-MEX);
Orlando Berrío (Flamengo-BRA);
Jéfferson Lerma (Bournemouth-ING);
Mateus Uribe (Porto-POR);
Luis Díaz (Porto-POR);

Atacantes
Duván Zapata (Atalanta-ITA);
Rafael Santos Borré (River Plate-ARG);
Luis Fernando Muriel (Atalanta-ITA);
Roger Martínez (América-MEX)

Fonte: Correio