As áreas de Recursos Humanos, Imóveis, Finanças, Saúde e Comercial estão em alta no mercado de trabalho. É o que aponta um levantamento feito pela Recrutadora PageGroup, que mostra também que as habilidades em gestão de equipes, desenvolvimento de força de vendas e prospecção de novos negócios  estão entre as mais demandas pelas empresas este ano. 

“Há uma expectativa muito significativa no mercado em destravar estes negócios. Profissionais com capacidade estratégica de contribuir para que isso aconteça foram os mais demandados no último semestre do ano”, explica o  gerente da Michael Page, Marcelo Botelho.

Quanto mais estratégico, melhor. O cargo de business partner na área de RH está entre os mais procurados. No geral, a função é responsável por orientar a liderança sobre as melhores decisões de RH, sobretudo, no que diz respeito ao desenvolvimento organizacional e as políticas de atração e retenção. “A busca por esse perfil se elevou no mercado. A gente tem uma figura de RH que deixou de apenas fazer o fechamento em folha”, afirma.  

Para chegar a estes dados, o PageGroup entrevistou cerca de 6 mil profissionais de todo o Brasil. Os executivos ouvidos ocupam cargos que vão desde posições de suporte à gestão (Page Personnel) até aos de alta e média gerência (Michael Page). Ainda de acordo com levantamento, o cargo com maior oferta de salário é o de diretor financeiro, que pode alcançar uma remuneração de  R$ 45 mil. “O profissional que conseguir se adaptar aos diferentes cenários de negócio vai se destacar”, acrescenta Botelho.

Habilidades

E para fazer esta diferença dentro da empresa e ganhar competitividade no processo de recrutamento, o especialista reforça que é preciso ‘pensar fora da caixa’. “O candidato a uma destas vagas deve tentar se destacar a partir de ações concretas. Uma ferramenta muito boa são as redes sociais como o Linkedin. Mantenha seu perfil atualizado e se exponha de forma positiva”. 

A questão do domínio de outro idioma ainda é relevante, como pontua Botelho. “Depende muito de empresa para empresa, porém, muitos perfis de vaga continuam exigindo outra língua, principalmente as empresas multinacionais”.
E não dá para deixar a qualificação lado: “é fundamental buscar qualificação o tempo todo. Se reciclar, e ir  a procura de instituições sólidas que permitam que você possa gerir sua carreira”.   

AS PROFISSÕES MAIS PROCURADAS

Business partner sênior (RH)

Perfil da vaga  A área de gestão de pessoas tem se tornado cada vez mais estratégica para as empresas. Por isso, o profissional tem que ter habilidade de influência, comunicação efetiva e conhecimento de negócio.

Salário  R$ 25 mil a R$ 35 mil

Representante/ gerente de vendas (Saúde)

Perfil da vaga  A prospecção de potenciais clientes e parceiros, assim como a capacidade de atender às demandas e ações promocionais,  bem como acompanhar a performance e desenvolver a força de vendas são só algumas das tarefas deste profissional. Entre os requisitos, o perfil da vaga exige desejável formação / especialização em Negócios, Marketing, Comercial ou Negociação e idiomas (a depender dos pré-requisitos exigidos pela empresa). 

Salário  R$ 5 mil a R$ 8 mil + variável Gerente de Vendas: R$ 16 mil a 25 mil + variável

Gerente nacional de vendas

Perfil da vaga  É preciso ter habilidade de gerenciar equipe e  processos. O cargo leva em consideração  atributos como o
conhecimento dos principais canais de venda, gestão de equipe, idiomas, visão sistêmica e estratégica de  todo o negócio.

Salário  R$ 20 mil a R$ 30 mil + variável + PLR

Gerente de produtos (Marketing)

Perfil da vaga  Responsável pela gestão do portfólio da empresa, desde a concepção até o lançamento do produto no mercado. Geralmente é desejável no perfil destas vagas, experiência com desenvolvimento de produtos, campanhas de marketing e trade marketing.

Salário  R$ 16 mil a R$ 20 mil + variável

Engenheiro de software

Perfil da vaga Diante de um mercado que está passando por um aquecimento devido aos projetos de transformação digital e crescimento das startups, o profissional ganha destaque no desenvolvimento de aplicações web e mobile. 

Salário  R$ 12 mil a R$ 15 mil

Gerente /diretor novos negócios (Propriedade e construção)

Perfil da vaga  Entre as diversas atribuições do cargo está a prospecção de novos negócios para a empresa, negociação e busca por terrenos e estudo de viabilidade econômica. A vaga demanda formação / especia-
lização em Engenharia, Negócios, Negociação e perfil estratégico com relacionamento com rede de corretores/vendedores.

Salário  gerente de Novos Negócios – R$ 15 mil a R$ 25 mil + variável. Diretor de Novos Negócios – R$ 25 mil a R$ 40 mil + variável. 

Gerente de compras (Logística)

Perfil da vaga  Gerenciar o setor de compras, efetuar contato com fornecedores e clientes vai exigir profissional que possa planejar, coordenar e supervisionar todo o processo, desde a emissão dos pedidos até o recebimento do material.

Salário  R$ 14 mil a R$ 25 mil + variável

Diretor financeiro

Perfil da vaga  Diante de um cenário econômico que  ainda se encontra em ritmo lento de crescimento, o diferencial competitivo está em quem faz a melhor gestão das suas finanças. A vaga é direcionada para o profissional com habilidade de  gestão da estrutura de finanças, contabilidade e impostos da empresa. Além disso, é fundamental ter um olhar para a gestão de riscos, auditoria e  controles internos. 

Salário  R$ 30 mil a R$ 45 mil

Diretor financeiro (Perdas & Lucros)

Perfil da vaga  Focado na gestão de lucros e perdas, este tipo de diretor financeiro é quem vai construir o orçamento anual das áreas, fazer acompanhamento do P&L de cada uma delas e dar um suporte direto ao negócio para tomada de decisões assertivas. 

Salário  R$ 15 mil a R$ 25 mil

Analista de fusões e aquisições (Bancário e Serviços Financeiros)

Perfil da vaga  As empresas querem um profissional que seja capaz de desenvolver a análise novas oportunidades de negócio, seja dentro de um fundo de investimentos, um banco ou uma outra empresa. O grande diferencial está justamente em enxergar o potencial de negócio.

Salário  a partir de R$ 7 mil 

Analista ou gerente de produtos

Perfil da vaga  A necessidade de  inovar acaba estimulando a oferta de oportunidades para o profissional que atua nesta área. Entre os requisitos mais buscados pelas empresas está a capacidade de desenvolver novos produtos e dinâmica de inteligência de mercado.

Salário  R$ 8 mil a R$ 20 mil 

RELATO: A ESTRATÉGIA É SE CAPACITAR

‘O gestor de RH precisa ter visão ampla’, afirma o analista em Recursos Humanos, Luis Henrique Ribeiro
(Foto: Mauro Akin Nassor/ CORREIO)

Luis Henrique Ribeiro, analista de RH Formei em 2016 e imediatamente engatei uma pós-graduação em gestão de pessoas. Muitas oportunidades se abriram, tanto em termos de salário como até fora do estado. Não tive dificuldades de me colocar no mercado. Hoje atuo como analista no RH, em um dos maiores hospitais da cidade. Já criei estratégias para reduzir os índices de absenteísmo e também de ‘turnover’ que reforçam como a área de RH mudou e se tornou, de fato, um recurso estratégico para as empresas, independente do ramo.   Acredito que o gestor de recursos humanos que atua nesta parte mais estratégica, como na função que desempenho, precisa ter visão ampla. Entender o seu colaborador e as necessidades deles para que isso possa proporcionar um quadro eficiente e capacitado. Inicialmente, meu salário inicial ficava em torno de R$ 3,8 mil, mas com a especialização eu conseguir aumentar esta remuneração em 40% – o que só reforça o quanto é importante a gente se capacitar. Há uma deficiência significativa no que diz respeito ao perfil de liderança. Temos muitos profissionais muito bons tecnicamente, mas com dificuldade de ser um bom líder. Por isso, desenvolver o meu perfil de liderança ajudou bastante. Não dá para dominar o operacional, mas não ser eficiente na gestão. É necessário estar ligado e envolvido nas mudanças que acontecem na área de Recursos Humanos e com isso fazer a diferença no resultado.

Fonte: Correio