Salvador vai sediar a Bienal do Livro em 2020. O anúncio foi feito na manhã desta terça-feira (10) pelo prefeito da cidade, ACM Neto (DEM), em evento de assinatura da concessão do Centro de Convenções Municipal. 

“Somos a cidade onde qualquer tipo de censura é proibido. A última bienal que sediamos foi em 2013 e agora estamos acertados. Palavra dada e Salvador sediará a Bienal de 2020 que será a maior de todos os tempos no Brasil e vai acontecer aqui, no Centro de Convenções”, adiantou Neto. 

O evento, que esse ano aconteceu no Rio de Janeiro, foi banhado por polêmicas, após o prefeito da cidade, Marcelo Crivela (PRB) querer censurar um livro que mostrava um beijo entre dois homens.

Fonte: Correio