Morreu neste sábado, aos 65 anos, Macarra Vianna, que trabalhou em diversas produções cinematográficas baianas como produtor de locação e platô (responsável por logística e organização do set). Ele era nascido em Itaparica e tinha um filho, Matheus Vianna, que é diretor de cinema e de filmes publicitários. O produtor sofria de câncer no fígado.

Macarra atuava na área audiovisual desde os anos 1980 e trabalhou em produções como Eu Me Lembro (2005), Esses Moços (2004) e A Finada Mãe da Madame (2017).

“Dirigi dois filmes em que ele trabalhou como produtor de locação e era muito legal, sabia organizar bem o set, que costuma ser um lugar caótico, em que as pessoas muitas vezes se aborrecem umas com as outras. Mas ele sabia cuidar bem de todo mundo e fazias as coisas funcionarem”, recorda-se Bernard Attal, diretor de A Finada Mãe da Madame.

O diretor de fotografia Hamilton Oliveira era amigo de Macarra e falou com carinho dele: “Era um amigo ‘brother’, irmão mesmo, companheiro de todo mundo e ensinou muita gente. Não tinha receio algum de passar seu conhecimento para os mais jovens”.
Hamilton lembra que Macarra começou a trabalhar nos anos 1980 em filmes publicitários e campanhas políticas antes de atuar no cinema. Trabalhou também no set do videoclipe They Don’t Care About Us, que Michael Jackson gravou em Salvador em 1996.

 

Fonte: Correio