Mais de 70 empresários e representantes de organizações públicas e privadas de Vitória da Conquista e cidades vizinhas lotaram, nesta quinta-feira (19), o auditório do Hotel Ibis, no bairro de Felícia, para participar do Workshop Eficiência Energética, realizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) e Coelba, com organização do Jornal CORREIO. O município é o terceiro maior da Bahia (atrás apenas de Salvador e Feira de Santana), com Produto Interno Bruto (PIB) de R$ 6,2 bilhões, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Esta foi a quinta edição do evento para o público baiano. Assim como fez em Salvador, Petrolina e Juazeiro, Barreiras e Feira de Santana, a Coelba reuniu especialistas do setor elétrico, que dividiram conhecimentos sobre como utilizar melhor a eletricidade e orientaram o público presente sobre a forma de participar das chamadas públicas promovidas pelo Programa de Eficiência Energética (PEE) da concessionária. A próxima edição do Workshop Eficiência Energética será realizada em Porto Seguro, no mês de outubro. A data ainda será confirmada.

Gestão de energia
A programação começou com Bruno Spínola, analista de Negócio Liberalizado da Neoenergia, que apresentou dados de comercialização do grupo. O executivo deu foco ao mercado livre, voltado para clientes do Grupo A (conectados em alta tensão), que, entre as vantagens, têm os preços previamente acordados.

O executivo Bruno Spínola levou ao público detalhes sobre a Neoenergia Comercialização

Segundo Bruno, Vitória da Conquista foi uma das primeiras cidades do interior da Bahia a ter clientes que migraram para o Mercado Livre. “Conquista e cidades vizinhas, como Brumado, têm indústrias muito grandes, shoppings, que se encaixam no perfil para o Mercado Livre de Energia. Aqui na região já têm indústrias que são migradas, porém ainda há potencial para novos clientes”, ressalta Bruno.

Para os clientes do Grupo A, a Coelba oferece também uma gestão energética, com assessoria jurídica e apresentação de soluções energéticas. “O Mercado Livre de Energia é um tanto peculiar. Quando o cliente sai do colchão da Coelba e ele migra para ser agente de consumo, obrigatoriamente precisa de um representante no mercado. Além desta representação, a Neoenergia oferece uma gestão energética com apresentação de soluções”, conclui Bruno.

Iluminação eficiente
Logo após a palestra sobre o setor de comercialização da Neoenergia, o público corporativo aprendeu sobre os cuidados ao projetar uma boa iluminação em estabelecimentos nas áreas comercial, industrial ou pública. A palestra Iluminação Eficiente foi ministrada pelo engenheiro e professor João Gabriel Pereira de Almeida, que deu dicas básicas para o uso inteligente da iluminação, como por exemplo: procurar produtos certificados, aproveitar a luz natural dentro dos espaços e investir em automação e sensores de presença.

O professor João Gabriel Pereira de Almeida ministrou a palestra Iluminação Eficiente 

João Gabriel alertou para a necessidade de contratar um profissional de confiança para entender e apresentar soluções técnicas e eficazes de iluminação de acordo com cada necessidade. “Eventualmente, você pode replicar um projeto que deu certo em outro espaço semelhante. Mas, de uma maneira geral, cada tipo de espaço, cada área dentro da indústria, cada local dentro de um comércio vai exigir um projeto específico para atingir determinado resultado, seja em termos de aumento das vendas, melhoria da segurança, redução do consumo ou atender normas”, defende.

O especialista em iluminação artificial chamou atenção também para a importância de difundir o conhecimento sobre o uso inteligente da energia e exemplificou a iniciativa da Coelba em promover o Workshop de Eficiência Energética. “Compete também a nós, profissionais da área, mostrar a importância de um projeto de iluminação para um negócio. Uma iniciativa como esta (WEE) tem a capacidade de falar com possíveis produtoras ou demandadoras de projetos e revelar o valor que isto tem para o resultado do negócio”, destaca João Gabriel.

Climatização eficiente
Encerrando a programação da manhã, Tomaz Cleto, vice-presidente de Eficiência Energética da Associação Brasileira de Refrigeração, Ar-condicionado, Ventilação, Aquecimento (Abrava), ministrou a palestra Climatização Eficiente. Como dica para um conforto térmico com eficiência energética, o especialista destacou que é primordial encarar o ar-condicionado como um aparelho além da função de resfriamento de ar: “É uma questão também de saúde. Um ar-condicionado bem projetado faz bem para saúde. Ter um projetista que tenha esse comprometimento de pensar em um sistema eficiente, que vá garantir os índices de conforto dos ambientes climatizados, também pode garantir melhor produtividade no negócio. É pensar que o espaço vai ser ocupado por gente e pensar no conforto ambiental”, relata.

Encerrando a programação da manhã, o especialista em sistemas de ar-condicionado, Tomaz Cleto, levou conhecimento sobre climatização eficiente

Cleto ressaltou ainda que os sistemas de ar-condicionado bem instalados e eficientes podem gerar retornos financeiros para as empresas e instituições: “É extremamente sensível investir em sistemas de ar-condicionado eficientes, não só apenas na questão de equipamento, mas em toda a concepção do sistema para que haja meios de ter um consumo menor no prédio, por exemplo”.

PEE
A programação da tarde começou com a engenheira da Unidade de Engenharia e Projetos de Eficiência Energética da Neoenergia, Lucíola Herculano. A especialista apresentou ao público informações sobre os procedimentos do Programa de Eficiência Energética do grupo, que tem como objetivo promover o uso eficiente e racional da energia elétrica em todos os setores da economia, por meio de projetos apresentados por clientes com ações que combatam o desperdício, apresentados em Chamadas Públicas, realizadas desde 2015.

A engenheira Lucíola Herculano deu início à programação da tarde explicando os procedimentos do PEE

Durante a palestra, Lucíola ressaltou a importância de familiarizar os clientes corporativos da Coelba com o PEE e comemorou os resultados positivos que já apareceram com a realização do Workshop Eficiência Energética este ano. “Já conseguimos dobrar o número de projetos recebidos pela Coelba. A expectativa é que na próxima Chamada Pública, a distribuidora receba um número recorde de propostas”, comenta a engenheira, que destacou também a importância de tratar a temática com os clientes corporativos de Vitória da Conquista e região. “Não só porque a região é um polo com indústrias e grande comércio, mas também por conta das instituições educacionais, tanto públicas quanto privadas. É uma área com potencial”, finaliza.

Chamadas Públicas
A chamada pública de projetos (CPP) é realizada anualmente. Um edital é lançado para convocar a sociedade a apresentar projetos de eficiência energética que estejam de acordo com os critérios técnicos estabelecidos, entre eles a relação custo-benefício das propostas, que tem o maior peso da avaliação (30%), além da qualidade e contrapartida da ideia.

“Para participar do edital, o mais importante é procurar uma empresa competente naquele uso final que você tem interesse em tornar eficiente na sua unidade consumidora. A partir daí é a qualidade do projeto e ter viabilidade”, destaca Vítor Peixoto, engenheiro da Unidade de Engenharia e Projetos de Eficiência Energética da Neoenergia, que apresentou o mecanismo de Chamada Pública da Coelba e ressaltou a oportunidade para as empresas e instituições de implantarem a eficiência energética nas operações ao apresentar um projeto nas convocações por edital.

O engenheiro Vitor Peixoto durante bate papo com o público

Seguindo diretrizes da ANEEL, toda distribuidora de energia elétrica do país tem que realizar pelo menos uma chamada pública para apresentação de projetos de eficiência energética. Em 2019, a Coelba lançou um edital entre março e maio e há a perspectiva de fazer uma nova chamada até o fim do ano.

Novos conhecimentos
Após assistir a última palestra do Workshop Eficiência Energética em Vitória da Conquista – comandada por Luiz Gustavo Caldeira de Castro, engenheiro da Unidade de Relacionamento com Clientes de Vitória da Conquista, que apresentou ao público os canais de atendimento da Coelba –, o técnico em manutenção elétrica da Magnesita Mineração, Nivaldo Soares, contou sobre a satisfação de viajar 1h30min entre Brumado e Vitória da Conquista para absorver novos conhecimentos no Workshop Eficiência Energética. “Foi muito bom. Temos novos conhecimentos, uma nova visão de como o mercado está. Abre a cabeça para novos pensamentos, novas ideias de melhoria na iluminação e de como aproveitar melhor a energia”, conta Nivaldo.

O engenheiro Luiz Gustavo Caldeira de Castro encerrou a programação do evento falando sobre os canais de atendimento da Coelba

O Estúdio Correio produz conteúdo sob medida para marcas, em diferentes plataformas.

Fonte: Correio