Depois de ter enfrentado dificuldades para confirmar o favoritismo em sua estreia na Copa América, na qual venceu a Colômbia por 67 a 61, no último domingo (22), a seleção brasileira arrasou a Argentina por 76 a 49, na noite de segunda-feira (23), na cidade de San Juan, em Porto Rico, pela segunda rodada do Grupo B da competição continental.

Com o resultado, o time comandado pelo técnico José Neto ficou perto de assegurar classificação à semifinal do torneio, no qual folgará nesta terça (24) e terá pela frente o Paraguai, na quarta (25), e os Estados Unidos, na quinta (26), em seus outros desafios na primeira fase.

Pelo regulamento da Copa América, no estágio inicial as equipes jogam entre si dentro de suas respectivas chaves, em turno único, e as duas mais bem colocadas avançam às semifinais, nas quais os líderes dos grupos encaram os vice-líderes do outro. Os oito primeiros do evento continental garantirão vaga no Pré-Olímpico das Américas, que será realizado em novembro.

A pivô Clarissa, com um “double-double” de 13 pontos e 16 rebotes, se destacou na vitória da equipe brasileira, que teve Patty Teixeira, com 15 pontos, como maior cestinha da partida contra as argentinas. E Damiris Dantas, com 10, foi o terceiro principal nome ofensivo do Brasil no duelo.

Pelo lado argentino, a cestinha da equipe foi Andrea Boquete, também com 10 pontos, enquanto Victoria Llorente acumulou sete pontos e sete rebotes.

A Copa América é a primeira competição realizada pela equipe nacional após a conquista da medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru, em agosto.

Fonte: Correio