O padre Marcelo Rossi relembrou o momento em que foi empurrado durante a celebração de uma missa no último mês de julho em entrevista ao Altas Horas no sábado (14).

“O perdão é fundamental. Eu não sabia quem me empurrou”, comentou o padre, que optou por não processar a sua agressora.

“Quando eu desci e olhei… Sou de carne e osso, literalmente. Deus existe, e com certeza me segurou. Nossa Senhora passou à frente. Eu estou aqui sem nenhuma lesão. Não deu cinco meses ainda. Posso dizer que tenho um nascimento, dia 20 de maio, e, a partir de agora, 14 de junho. Nasci de novo. Amém”, contou.

Em seguida complementou: “À pessoa, não a vi mais, fica o perdão a ela. Tem um problema bipolar. A melhor resposta que posso dar é B.O.: Bíblia e oração. Orarmos para essas pessoas.”

A missa fez parte do evento de encerramento do Acampamento PHN, realizado pela TV Canção Nova. O empurrão e a queda de Padre Marcelo Rossi foram exibidos no programa.

Fonte: Correio