Há cerca de 30 dias as máquinas não param de retirar parte do material que assoreia o açude do Povoado Curral Falso, são cerca de 100 toneladas diárias de lama e barro retirados para recuperar a profundidade do açude e dar novamente condições de retenção de água. O açude é um dos maiores do município e recebe as águas das montanhas da região antes de alimentar o Rio Itapicuru, passando pelo principal açude pombalense, na sede do Município.

A obra, portanto, é estratégica e faz parte do montante de 18 milhões de reais anunciados pelo Prefeito Ricardo Maia e já contratados pelo Município. Para os moradores da localidade é a realização de um sonho, pois apenas os mais velhos puderam no passado ver o açude cheio de água e com a obra, essa visão poderá voltar a ser uma realidade. A estrutura hídrica durante muito tempo foi um elemento impulsionador da economia local, por isso os moradores acompanham felizes e esperançosos para ter novamente seu açude revitalizado e pronto para gerar vida, trabalho, e lazer para todos.

 

Fonte: Prefeitura de Ribeira do Pombal