Elizabeth quando conheceu o bisneto, Archie, filho de Meghan e Harry (Foto: Divulgação)

O Palácio de Buckingham, na Inglaterra, onde mora Rainha Elizabeth II, emitiu um comunicado sobre a renúncia de Príncipe Harry e da sua esposa, a atriz Meghan Markle, anunciada nesta quarta-feira (8). Os dois afirmaram que querem ser financeiramente independentes e abriram mão das regalias de duque e duqueza.

No entanto, a abdicação não será algo tão simples quanto parece, já que a avó do príncipe está disposta a analisar a decisão do casal.

“As discussões com o Duque e a Duquesa de Sussex estão no início. Nós entendemos o desejo deles de ter um posicionamento diferente, mas esses assuntos são complicados e tomarão tempo para serem resolvidos”, afirmou o Palácio de Buckingham em comunicado enviado à rede BBC.

Harry, que é o sexto na linha de sucessão ao trono britânico, e Megham informaram que vão se dividir entre o Reino Unido e a América do Norte, onde ela nasceu e trabalhava como atriz de sucesso, até se casar com o príncipe. 

A estadia por lá, no entanto, não deve ser nos EUA, mas no Canadá, onde os pombinhos passaram seis meses com o filho Archie. 

“Após meses de reflexão e discussões internas, nós escolhemos fazer uma transição em 2020 e começar a desempenhar um papel progressivo dentro desta instituição. Vamos dar um passo atrás como membros sêniores da Família Real e trabalhar para nos tornarmos financeiramente independentes”, afirmou o casal.

Fonte: Correio