Agora vai 
Entre os próximos dias 15 e 25, a Atlantic Nickel, do grupo Appian Brazil, faz o primeiro embarque de níquel, desde a reabertura da mina Santa Rita, em Itagibá. A unidade estava fechada desde o início de 2016, quando a Mirabela, antiga operadora, interrompeu a produção. Com a retomada, a expectativa é que a unidade empregue mil pessoas – 300 da própria Atlantic Nickel e 700 terceirizados. O Appian Brazil acredita que possui alguns trunfos para garantir que desta vez a mina seja operada de maneira perene. O CEO do grupo, Paulo Castellari, acredita que as principais diferenças entre o projeto da Atlantic Nickel e o da antiga Mirabela estão no ambiente de negócios no país, nas perspectivas para o mercado de níquel e uma readequação no processo de produção, além da expertise da Appian no setor. “Um sinal de que nossa estratégia está correta é que nosso plano operacional previa o início da operação em março de 2020, mas conseguimos fazer a primeira venda ainda em 2019 e o primeiro embarque agora em janeiro”, comemora Castellari. A empresa espera atingir a capacidade plena dentro de seis meses. A unidade, adquirida pela Appian há dois anos e meio, recebeu um investimento de US$ 1 bilhão em sua implantação. 

Futuro do níquel
As boas perspectivas para o metal são alimentadas tanto pelo aquecimento do mercado de aço, que representa aproximadamente 70% da demanda mundial atualmente, mas sobretudo são alimentadas pelo crescimento do mercado de veículos elétricos. O níquel é fundamental para a produção de baterias e o níquel sulfetado, produzido na Bahia, é o produto ideal para o processo. “No médio e longo prazo, o mercado elétrico é a grande aposta para o níquel”, diz Paulo Castellari. Ele cita como exemplo o projeto da Tesla, de produzir um milhão de unidades do seu modelo C. “Sozinho, ao entrar em operação, este projeto vai precisar de 60 mil toneladas de níquel. Isso é metade da produção que é negociada hoje em dia na bolsa de Londres”, compara. 

Paulo Castellari, CEO da Appian Brasil (Foto: Divulgação)

Reinauguração
No próximo dia 14, a Atlantic Nickel recebe o vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, João Leão, além de outras autoridades, para uma cerimônia de reinauguração da mina Santa Rita. 

Que alívio
A decisão do presidente Jair Bolsonaro de vetar projetos que provoquem aumentos de custos para a produção de energia fotovoltaica trouxe alívio para o setor. Há dois meses, a Aneel lançou uma consulta pública que previa a redução de incentivos para a geração distribuída (GD) – quando a energia é produzida nos locais de consumo. A proposta era de taxar a modalidade em até 66%. Aqui na Bahia, o temor era que a medida provocasse a perda de até 12 mil empregos. Nos últimos 12 meses, a potência instalada em GD no estado alcançou um crescimento de aproximadamente 148%.

Novas lojas
O Shopping Bela Vista fechou 2019 com chave de ouro. Recentemente, o centro comercial inaugurou nove noas operações, entre novas unidades e ampliações de outras que já estavam lá. 

Fonte: Correio