O padre Marcelo Rossi, 52 anos, é mais um a se render ao mundo dos podcasts. De olho no público mais jovem, o religioso vai lançar “A Fé se Transmite” em parceria com a gravadora Sony ainda neste começo de ano.

Segundo a Folha de S. Paulo, a ideia é que o padre grave programas semanais de cerca de meia hora, cada um tratando de um assunto específico.

“Posso em uma semana, por exemplo, falar sobre maus pensamentos. Uma ideia é dividir em cinco subtemas, de cinco minutos cada um, e a pessoa pode ouvir tudo junto ou separado”, explica o padre.

A ideia é usar as novas mídias para aumentar o diálogo com as pessoas, especialmente a nova geração. Para o padre, a quantidade de informação disponível a todos na internet acaba deixando os jovens perdidos.

“O meu objetivo é criar igrejas no coração das pessoas, levar as pessoas a terem essa intimidade com Cristo. Para isso, eu tenho que dar o testemunho, eu tenho que viver isso […] E hoje não há modo mais fácil que a internet e as redes sociais”, acredita. 

Ele entende que fez caminho similar no final dos anos 1990, quando passou a participar de programas populares na TV.

Padre Marcelo continua investindo na música. Lançou recentemente o EP “Maria Passa à Frente”, com seis músicas. Além da música e dos podcasts, ele usa redes sociais e continua presente nas mídias mais tradicionais.

No ano passado, após 17 anos na rádio Globo, mudou para a rádio Capital, onde apresenta o programa “No Colo de Jesus e Maria”, de segunda a sábado, das 8h às 9h. 

Entre os planos para esse ano está ainda o de escrever um livro sobre a experiência de ter sido empurrado por uma mulher durante uma missa em Cachoeira Paulista (SP). Ele entende que foi um milagre não ter sofrido nada grave na queda de quase dois metros.

Fonte: Correio