Uma história emocionante vem chamando a atenção nas redes sociais. Após ser abandonado aos 11 meses por ser surdo, um cãozinho acabou encontrando um novo lar após ser adotado por um estudante que também possui impossibilidade auditiva.

João Gabriel Duarte Ferreira, que é doutorando em estudos de tradução na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), viu a história do pequeno cãozinho e resolveu adotá-lo para morar em uma residência que divide com outros dois surdos e um filho de surdo, conforme contou em entrevista ao G1. Ele, inclusive, deu um novo nome ao cachorrinho: Jögan, em referência a um tipo de olho de um anime japonês.

“Estamos felizes com ele. E temos muita empatia nele, por causa da identidade surda. Ele está feliz, porque temos nossas estratégias de adaptação para casa. Para nós, surdos, com os nossos costumes. Como apagar e ligar luz toda vez pra chamar o Jögan como fazemos conosco”, contou João ao G1.

Eles também possuem outra cadela, Gabi, a qual Jögan já se adaptou. Assim como a companheira, ele já vem aprendendo sinais. “Já sabe sabe alguns sinais de Libras (Língua Brasileira de Sinais) e desde quinta aprendeu os sinais de passear, pedir pra sair, esperar”, relatou o estudante ao G1.

Fonte: Agencia Brasil