Um sargento da Força Aérea Brasileira (FAB) foi detido nesta quinta-feira (20) acusado de cultivar drogas e vendê-las pelas redes sociais. O caso aconteceu em Santa Maria, no Distrito Federal.

De acordo com os agentes da 1ª Delegacia de Polícia, que investiga o caso, foram encontrados vários tipos de maconha na casa do militar. As drogas eram vendidas entre R$ 80 e R$ 120 o grama.

“Na casa dele também encontramos, entre outros objetos, instrumentos utilizados para a preparação e produção de drogas, uma balança de precisão, sementes, óleos de maconha e a quantia de R$ 1.620,00”, afirmou o delegado João Ataliba.

Segundo a polícia, as investigações começaram no ano passado. O sargento, que não teve o nome revelado, chegava a entregar as drogas usando o próprio carro e fardado.

Nas redes sociais, o sargento mostrava o processo de produção da droga e anunciava a venda do produto. Caso condenado, ele pode pegar de 8 a 25 anos de prisão.

Fonte: Correio