Bahia terá cartão para substituir vale-alimentação em cidades do interior

Para os moradores de municípios da Bahia que não têm os mercados da rede Cesta do Povo ou Assaí Atacadista, o vale-alimentação estudantil será entregue em forma de cartão, para ser utilizado em lojas cadastradas. A informação é da secretaria de educação do estado da Bahia, que afirmou que, até a sexta-feira (24) divulgará a data da entrega, bem como os locais e estabelecimentos comerciais credenciados.

Essa medida irá beneficiar 516 mil estudantes da rede, e a operação utilizando esses cartões é válida apenas para as cidades onde não há nenhum dos supermercados cadastrados inicialmente – Cesta do Povo e Assaí. 

Em Salvador e outros 21 municípios que possuem as redes, a compra continuará sendo feita da mesma forma: apenas através do vale-alimentação resgatado e em uma das duas lojas que estão recebendo os compradores desde segunda-feira (20). A ação totaliza investimentos de R$ 44 milhões de recursos do Estado.

No total, serão 800 mil estudantes na Bahia ajudados com o auxílio de R$55. Para resgatar a ajuda do governo do estado, é preciso levar o CPF cadastrado e um documento de identificação com foto do estudante. Se o vale for ser retirado por outra pessoa, a mesma deve levar os documentos do estudante e apresentar sua documentação pessoal, que pode ser qualquer documento de identidade com foto e, se tiver, também o CPF. 

Outra recomendação é para que, antes de ir ao supermercado, seja confirmado se o CPF já está cadastrado. Para isto, basta ligar para a escola onde o estudante está matriculado, para o número 0800 284 0011 ou verificar pelo Sistema Siadiante no Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br). 

Fonte: Correio