Bolsonaro diz que exonerou Valeixo porque diretor da PF já queria sair

Em pronunciamento nesta sexta-feira (24), o presidente da República, Jair Bolsonoro, disse que exonerou o diretor geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo, porque ele estava cansado e já indicava a intenção de deixar o cargo desde janeiro.

“Ontem, numa videoconferência, o senhor Valeixo se dirigiu a todos os 27 superintendentes e disse que, desde janeiro, vinha falando com o senhor Sergio Moro que queria deixar a Polícia Federal. Os superintendentes são a prova disso”, disse Bolsonaro.

O presidente disse que o próprio Valeixo alegou desgaste. “Como o senhor Valeixo disse que estava cansado, eu comecei a fazer gestões junto ao ministro para trocar o diretor geral. Era intenção minha, como ele declarou ontem, que queria sair. ‘Nós cansamos, nós não somos máquina'”.

Confira o pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro:

Fonte: Agencia Brasil