Babu é eliminado e declara torcida por Thelma: 'símbolo deste BBB'

Se existia alguma dúvida, acabou: esse BBB 20 é das mulheres. Na noite deste sábado (25), o último homem restante na casa foi eliminado. Muito querido por grande parte do público, Babu Santana não resistiu a mais um paredão e foi eliminado. Agora, Manu Gavassi, Rafa Kalimann e Thelma Assis disputam o prêmio de R$ 1,5 milhão, na noite de segunda-feira (27).

O brother, que encarou 10 paredões, foi o 17ª eliminado do BBB 20, com 57,15% dos votos. Thelma recebeu 31,41%%. Rafa recebeu 11,44%.

Ao anunciar em seu discurso quem estava eliminado, o apresentador Tiago Leifert falou sobre duas diferentes trajetórias dentro da casa. “Brincamos duas vezes de ‘Monte a sua Final’. E o público brincou uma. Foi essa. Manu já está lá e temos duas vagas sobrando. Qual critério será que o público usou para preencher essas duas vagas que sobraram?”.

Na sequência, o apresentador disse: “Há duas grandes histórias paralelas nesse Big Brother Brasil. A primeira é de um grupo de meninas que se uniu. Contrariando tudo, se uniram e se entenderam. Vocês meninas, ganharam 12 das 17 provas mais importantes. Os homens só ganharam provas de sorte. Habilidade foram vocês, resistência foram vocês. E juntas, vocês eliminaram todos os caras. Exceto um. O que nos leva a segunda grande história dessa temporada. Babu é um sobrevivente. Um dos maiores que história do BBB”.

Em seguida, Leifert anunciou as três grandes finalistas do programa: “A Final do BBB20 tem: Manu, Rafaela e Thelma. Babu, muito obrigado por tudo. Hoje é a sua vez, vem pra cá”.

As sisters acompanham o ator até a porta, e, chorando, que agradeceu pela oportunidade e declarou que estava morrendo de saudade dos filhos.

Após deixar o confinamento, Babu ganhou um carro Fiat Toro, igual ao que perdeu na disputa da liderança contra Flayslane, na cor branca, e ficou bastante emocionado. Ele também declarou sua torcida: Thelminha. “Meu desejo como admirador do BBB é que a Thelma ganhe. Ela é o símbolo desse BBB”, declarou.

Fonte: Correio