Filho de Bolsonaro é expulso do Twitch após debochar da pandemia da Covid-19

Após comentários debochando da pandemia do novo coronavírus na internet, Jair Renan, 21, filho do presidente Jair Bolsonaro, chamado por ele de 04, anunciou pelo Twitter que foi banido nesta sexta-feira (1º) do Twitch, o site de streaming de vídeo para gamers mais famoso do mundo.

“Fui banido da Twitch para sempre. Interessante é que a rede social mantém perfis que disseminam claramente a misandria (ódio, o desprezo ou o preconceito contra homens ou meninos), mas não suportam uma brincadeira, por mais pesada que fosse”, reclamou o estudante de direito. 

Ao que tudo indica, Renan foi denunciado por outros usuários do Twitch, o que levou ao banimento dele pela empresa entender que seus comentários feriram as diretrizes de uso da rede social. Até a publicação desta matéria, O Twitch não havia explicado o motivo da punição.

 

A expulsão do filho de Bolsonaro do Twitch veio um dia após ele republicar um vídeo postado por ele originalmente, no dia último dia 20, em que afirmou que “preferia morrer transando do que tossindo”. O jovem ainda repetiu a fala do pai, dizendo que o novo coronavírus era só “uma gripezinha”.

Pelo Twitch, os jogadores exibem ao vivo seu gameplay enquanto interagem com outros usuários da rede em viva-voz ou por texto. Em um deles, Renan respondeu um internauta: “Que pandemia, malandro? Isso aí é história da mídia para trancar você em casa, para achar que o mundo está acabando. É só uma gripezinha, irmão, tomar no c.. Peguei, passou”, disse. 

 

Fonte: Agencia Brasil