Em meio à pandemia, Internacional volta aos treinos no campo

Em meio à pandemia do novo coronavírus, o Internacional voltou aos treinos. Nesta terça-feira (5), o elenco colorado se reapresentou no CT Parque Gigante, em Porto Alegre e iniciou os trabalhos de olho na retomada do futebol, o que ainda não tem data para acontecer. 

Seguindo protocolos de saúde, os jogadores foram divididos em grupos. Eles chegaram já prontos para o treino e foram direto para o campo. Com o uso de máscara, alguns funcionários recepcionaram os atletas. 

Antes do início da atividade, médicos do clube mediram a temperatura de cada jogador. Quem era liberado, seguia para o campo para fazer exercícios físicos em equipamentos que foram retirados da academia e colocados no campo. 

O Internacional é o primeiro clube da Série A a retomar as atividades. A decisão foi tomada após a prefeitura de Porto Alegre ter liberado os treinos ao ar livre para os atletas profissionais. Espaços como vestiário, refeitório e academia não serão utilizados. 

Nos últimos dias, o presidente do Internacional, Marcelo Medeiros, defendeu a volta aos treinos e chegou a dizer que o “jogador que não quiser jogar, pede demissão”. 

“Se for aberta a possibilidade do futebol voltar, ele vai cumprir o contrato que ele assinou.” (Marcelo Medeiros para a Rádio Guaíba)”, disse Medeiros em entrevista à Rádio Guaíba. Dias depois, o presidente colorado usou as redes sociais para se defender. 

“Esclareço aqui, por respeito aos jogadores, funcionários e torcedores: se as autoridades autorizarem o retorno dos campeonatos, voltará a campo. Enquanto isso, seguiremos #emcasa. E a nossa segunda casa, o Beira-Rio, nos aguardará. A vida em primeiro lugar!”, escreveu Medeiros em seu perfil.

Fonte: Correio