Motoristas contam com duas faixas em desvio criado na região da cratera na BR-324

A concessionária Viabahia informou que a construção e a sinalização do desvio de duas faixas na região da cratera da BR-324 foram concluídas nas primeiras horas desta terça (05). A passagem provisória vai aliviar o tráfego e garantir segurança para os usuários que passam pelo km 589 até que a pista principal seja totalmente recuperada.

Apesar da instabilidade climática na região de Candeias, a concessionária informou que uma equipe continua trabalhando para extrair a água acumulada na via principal e, então, dar início à recuperação da erosão ocorrida na noite do último dia 29, quando foi necessária a interdição total de pista na altura do quilômetro 589 (sentido Salvador x Feira de Santana), trecho do município de Candeias, após a erosão da pista provocada pelas fortes chuvas na região. 

Com a cratera que se abriu no km 589 da BR-324 na última quinta-feira (29), os motoristas têm duas opções de acesso provisório à rodovia: pelo município de Candeias ou por uma via marginal situada no local da erosão. Um desvio com duas faixas foi construído pela Via Bahia, que administra a estrada, para garantir a fluidez do tráfego.

Até ontemm, apenas uma faixa estava disponível para quem optasse trafegar pela via marginal da BR. As chuvas também criaram um buraco neste acesso, que já foi tapado, segundo a assessoria da concessionária. 
Com o desvio, será possível garantir a fluidez da BR-324 pois os usuários poderão trafegar em uma via de faixa dupla.

A concessionária também atua na cratera que surgiu no KM 589 da BR após fortes chuvas atingirem a região. A equipe técnica da Via Bahia investiga as causas da erosão na via principal da rodovia. Segundo a concessionária, a cratera possui 8 metros de profundidade por 15 de extensão.

Em nota, a Via Bahia afirma que equipe operacional identificou prontamente o ocorrido, cumpriu todos os protocolos de segurança indicados com a sinalização da pista, pedido o bloqueio e desvio de tráfego, que foi aprovado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), conforme previsto no Contrato de Concessão. “A Via Bahia trabalha para garantir a segurança, o conforto e retomar a normalidade da operação na BR-324 o quanto antes”, pontua a nota.

Fonte: Correio