Uma força-tarefa da Secretaria da Segurança Pública (SSP) prendeu cinco soldados da Polícia Militar envolvidos com extorsões mediante sequestros. De acordo com a SSP, a força-tarefa, que foi criada para combater policiais corruptos, identificou que o grupo atuava em Salvador e na Região Metropolitana (RMS).

Os mandados de prisões foram cumpridos no início da manhã deste sábado (23), em localidades da RMS que não foram divulgadas pelo órgão. Na ação, equipes da Corregedoria Geral da SSP e da PM apreenderam armas, munições, celulares, computador e relógios importados. 

Ainda segundo a SSP, a investigação apontou que o grupo de soldados sequestrava traficantes de drogas ou parentes dos criminosos e exigia dinheiro para liberação. Os crimes teriam acontecido tanto em Salvador quanto em municípios da RMS, em janeiro deste ano. 

Depois que prestarem depoimento, os PMs ficarão custodiados no Batalhão de Choque da Polícia Militar, em Lauro de Freitas. Todos responderão a Processo Administrativo Disciplinar (PAD), que pode levar a demissões.

Fonte: Correio