São João será comemorado com maratona de lives promovidas pelo CORREIO

O São João de 2020 pode até ser diferente, por causa da pandemia do novo coronavírus, mas uma coisa está garantidíssima: o forró. E com direito a maratona de shows, de vários artistas e bandas do gênero. Tudo isso sem que ninguém precise sair de casa, respeitando o isolamento social. O CORREIO está preparando uma série de lives com várias atrações, para animar o mês de junho.

As apresentações acontecem sempre às sextas e sábados, às 19h, no YouTube do CORREIO. Na sexta (5), tem Fulô de Mandacaru, e no sábado (6), Del Feliz. No dia 12 é a vez da Estakazero, enquanto no dia 13 tem Flor Serena. No dia 19 tem Zelito Miranda, e Adelmário Coelho encerra, no dia 20. Não quer perder nada? Então já se inscreva no canal e ative as notificações.

“A gente está tendo uma grande dificuldade em manter o mínimo da tradição junina, que envolve muito o contato das pessoas, seja nas quadrilhas juninas, nas brincadeiras, na reunião da família. E o CORREIO se destaca na ideia de oferecer para as pessoas essa sintonia, que é o possível nesse momento. A gente de cá, o público de lá e o CORREIO promovendo esse elo. A festa junina é uma celebração da alma do povo do Nordeste. Acho que vai ser muito legal, estou muito honrado de poder fazer parte desse time’, comemorou Del Feliz.

De acordo com Marta Sousa, coordenadora de marketing do CORREIO, a ideia das lives é, justamente, não deixar que o baiano fique sem sua amada festa. “A gente sabe da relevância que o São João tem para o Nordeste, seja culturalmente e financeiramente. Por isso, queremos que as pessoas, mesmo em casa, possam curtir”, disse.

Para Del Feliz, o projeto São João no CORREIO ainda vai além: também ajudará a animar as pessoas durante esse período de pandemia e de isolamento social.

“Estou contente em poder levar um pouquinho de alegria às pessoas. E é através da música, desse abraço de longe que a música pode proporcionar, que estamos podendo manter acesa alguma chama de alegria dentro de cada um de nós”.

Manter a tradição dos festejos juninos e alegrar os baianos não é só o que a maratona de lives promete fazer. Além de levar música, as apresentações também irão render uma corrente de solidariedade. Durante as transmissões, será possível ajudar a instituição Corrente do Bem. Um QR Code ficará fixo na tela e, ao apontar a câmera, a pessoa será direcionada para uma área, onde poderá fazer doações.

“A instituição atua desde 2012 em Salvador e, hoje, já tem quase 100 associados, a maioria mulheres. Nesta pandemia, a Corrente do Bem está focada em arrecadar e distribuir alimentos, materiais de higiene e itens de limpeza para comunidades e pessoas carentes. Quem estiver assistindo poderá doar quanto quiser e puder, e o dinheiro cairá diretamente na conta da entidade”, explicou Marta.

Fonte: Correio