Guru de Bolsonaro, Olavo de Carvalho reclama de falta de apoio do presidente

Tido como o ‘guru’ de Jair Bolsonaro, em vídeo publicado na internet, Olavo de Carvalho reclamou da falta de proteção que o presidente tem dado a ele em relação a processos judiciais. “Se você não é capaz de me defender contra essa gente toda, eu não quero sua amizade”, disparou Carvalho.

No vídeo, o jornalista diz ainda que o primeiro e verdadeiro “gabinete do ódio” surgiu contra ele na internet, bem antes de Bolsonaro pensar em ser candidato à presidente da República e fala do passado.

“Só no Orkut havia mais de 100 mil páginas invencionistas absurdas contra mim. Calúnia e difamação o tempo todo. Primeiro gabinete do ódio não foi contra o Bolsonaro, foi tudo contra mim, cidadão particular que nunca foi candidato a bosta nenhuma, funcionário público ou que pertenceu a partido político, nem grupo político nenhum”, afirmou.

Com um linguajar pejorativo e debochado, Olavo de Carvalho cita nominalmente alguns nomes que são contra ele há anos. Ele cita os famosos youtubers Felipe Neto e Henry Bugalho, além dos sites Diário do Centro do Mundo e Brasil 247 e da deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP), chamada por ele de Peppa. “Nunca houve contra um cidadão particular um massacre jornalístico e judiciário desse tamanho, nem contra narcotraficantes, líderes revolucionários”, disse. 

Confira o vídeo:

Guru ameaça processar Bolsonaro

No vídeo, ao pedir proteção ao presidente, Olavo de Carvalho xinga Bolsonaro e alega não estar conseguindo se manter nos Estados Unidos, onde vive, por conta das multas pagas nos processos judiciais.

“Chega lá e me dá condecoraçãozinha. Enfia essa condecoração no seu c….Eu fui seu amigo, mas você nunca foi meu amigo. Você só tira proveito e me devolve o quê? Como que vou fazer para pagar essas multas? Como que eu vou viver aqui nos EUA sem nenhum tostão furado? Não dá pra fazer isso”, reclama.

“Você não está agindo contra os bandidos. Você vê o crime, presencia, e não faz nada contra eles. Isso é prevaricação. Quer levar um processo de prevaricação da minha parte? Se esse pessoal não consegue derrubar seu governo, eu derrubo”, afirma o novo desafeto de Bolsonaro.

 

Fonte: Agencia Brasil