Coronavírus: cidade do ES anuncia distribuição de kits com cloroquina

Ao contrário do que foi estabelecido pela Secretaria de Estado da Saúde do Espírito Santo (SESA, que, em maio, suspendeu o uso de cloroquina em pacientes com o novo coronavírus (Covid-19), o prefeito da cidade de Itapemirim, Thiago Peçanha, anunciou nas redes sociais que distribuíra aos enfermos kits com esse medicamento.

Segundo o município, os kits, que contém outros remédios, serão entregues aos moradores que testarem positivo para o novo coronavírus, no início do tratamento, mesmo que não estejam com sintomas graves. Além da cloroquina, o “Kit Covid-19”, como foi batizado, conterá azitromicina e ivermectina e o analgésico dipirona.

“O município de Itapemirim distribuirá, mediante prescrição médica, kits de medicamentos com cloroquina e azitromicina a partir do resultado positivo do teste do C19 (Covid-19), além de ampliar a testagem da população”, anunciou o prefeito Thiago Peçanha, que também é médico.

Com 222 casos confirmados e 10 mortes por Covid-19, Itapemirim, no Sul do Espírito Santo,  é classificado como um município de risco alto para o novo coronavírus. A prefeitura destacou que os medicamentos serão entregues mediante laudo que comprove a doença.

“A equipe do SCO (Sistema de Comando de Operações do município), se reuniu, e após um estudo feito, visando o combate e controle do novo coronavírus, identificou um grande potencial no kit, já que hoje não existe nada que comprove a ineficácia dos medicamentos utilizados. A Secretaria Municipal de Saúde informa que estará dando o suporte necessário aos médicos do município que analisarem necessário o uso dos medicamentos em questão. Vale ressaltar, que o kit só será disponibilizado mediante a laudo e prescrição medica”, pontuou a prefeitura em nota enviada ao jornal A Gazeta. 

Fonte: Agencia Brasil