Escultura de Nossa Senhora da Luz é fixada em praça da Pituba

Ponto de referência no bairro da Pituba, a Praça Nossa Senhora da Luz, que sedia a igreja homônima, recebeu uma homenagem bastante especial. Na tarde desta terça-feira (9), uma imagem gigante de Nossa Senhora da Luz foi colocada em frente à igreja, reforçando a mensagem de acolhimento e proteção que a própria instituição prega. 

A arte, que possui três metros e meio, é assinada pelo artista plástico Félix Sampaio, 59 anos, e foi confeccionada com a técnica fiberglass, uma resina de fibra de vidro de alta resistência, com pintura marmorizada e aplicação de camadas de verniz protetor com UV. A dimensão total da obra é de 11 metros, já que ela fica sobre uma base de concreto revestida em granito de sete metros e meio de altura. Na parte inferior, um gradil em aço carbono dá forma a desenhos que simbolizam a luz de Nossa Senhora.

“Após a fixação da escultura , estaremos finalizando o revestimento em granito da base na parte inferior, fixando o gradil e ajustando a iluminação. Findado isso, a comunidade receberá o monumento para a devida inauguração”, explica o artista plástico, lembrando que ainda não há data para isso.

E escultura em frente à igreja e ao lado do criador, Félix Sampaio (Foro: Divulgação)

Financiado pela Prefeitura de Salvador, através da Fundação Gregório de Matos, a obra levou quatro meses para ficar pronta, o que tornou o momento ainda mais especial para Félix. O único ponto negativo que a entrega da estátua trouxe, é que não houve uma celebração presencial para o momento.  

“Quando comecei a modelar essa escultura já ia imaginando uma grande celebração na praça em frente à Igreja. Mas, como nunca sabemos o que nos reserva o futuro, hoje estamos entregando o monumento e com a certeza que sua luz nos iluminará nesse momento de reflexão”, comentou Sampaio. 

Fora da capital, Félix também acumula alguma figuras religiosas com sua assinatura, com o Cristo de Esplanada, que com 29 metros de altura é o maior monumento religioso da Bahia; e a Via Crucis de Nazaré, esculturas em concreto, tamanho natural, representando o caminho da fé que dá acesso ao Monumento Jesus de Nazaré. Desde a década de 90, o artista se dedica à confecção de esculturas com a técnica de fiberglass.
 

Fonte: Correio