Monte Santo impõe cinco dias de lockdown e fecha até farmácias

A cidade de Monte Santo, a 388 Km de Salvador, iniciará nesta sexta-feira (12) um bloqueio total de atividades, o chamado lockdown. As restrições terão duração de cinco dias, indo até a próxima terça-feira (16). A prefeitura do município decidiu fechar até as farmácias, que só poderão funcionar em sistema delivery. Com cerca de 50 mil habitantes, Monte Santo conta com 15 casos confirmados de covid-19, segundo o boletim epidemiológico estadual desta quarta-feira.

O decreto de lockdown determina a suspensão total das atividades comerciais para conter o avanço da nova doença na cidade. O toque de recolher foi instituído e é proibida a circulação de pessoas durante o horário das 20h às 5h do dia seguinte. A gestão municipal também decidiu fechar os serviços de auto-atendimento de agências bancárias e suspendeu a realização da feira livre na cidade e nos povoados.

Só poderão funcionar postos de combustíveis e serviços de atendimento de saúde, como as Unidades Básicas de Saúde (UBS). As farmácias terão que fechar e colocar contato telefônico na fachada do estabelecimento para a realização de pedidos. A realização de cultos, missas ou eventos religiosos será proibida e os espaços religiosos devem manter as portas fechadas.

O não cumprimento das medidas estabelecidas pode render em penalidades como perda de alvará e multa no valor de R$ 1.000. A fiscalização nas ruas será feita pelo setor de Tributos, Guarda Municipal, Vigilância Sanitária e Vigilância Epidemiológica, que, pelo decreto, têm poder para entrar em qualquer estabelecimento comercial, residencial e similares para investigação e adoção de medidas de combate à covid-19. Se identificada irregularidade, os agentes ainda podem solicitar o apoio da Polícia Militar.

Fonte: Correio