PC Siqueira nesa acusações de pedofilia: 'um dos piores momentos da minha vida'

Após a Polícia Civil de São Paulo confirmar a veículos como o jornal Extra e o Uol que está apurando denúncias que surgiram nesta quarta-feira (10) na internet contra PC Siqueira, o youtuber usou suas redes sociais nesta quinta-feira (11) para comentar o assunto e negou as conversas.

As autoridades avaliam a veracidade de imagens que viralizaram nas redes sociais e mostram uma suposta conversa com teor pedófilo entre o youtuber e uma outra pessoa ainda não identificada.

“Ontem, fui pego de surpresa ao ver meu nome sendo utilizado por uma articulação criminosa, que tentou me acusar de algo terrível, que jamais cometi ou cometeria. Confesso que fiquei chocado, atordoado e passei por um dos piores momentos da minha vida. Ninguém imagina um dia ver seu próprio nome envolvido com um crime abominável”, iniciou o youtuber, em postagem no Instagram. Confira a publicação completa.

A apuração fos fatos é conduzida pela 4ª Delegacia de Proteção à Pessoa, do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP). Além da veracidade das mensagens, os policiais também investigam se o caso teria ocorrido em São Paulo, onde vive PC Siqueira.

“A 4ª Delegacia de Proteção à Pessoa, do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP), apura a denúncia feita por meio das redes sociais contra a pessoa citada”, informou a Polícia Civil em nota.

Amigos confusos
As pessoas próximas de PC Siqueira demonstraram preocupação enquanto esperava a manifestação de PC Siqueira. Em seu Twitter, o humorista Rafinha Bastos falou sobre o caso e admitiu estar “confuso”.

“Fui pego de surpresa por essa história do PC. Não tivemos contato nos últimos dias. Eu e o Cauê estamos esperando ele se pronunciar. Só o PC sabe da veracidade disso. É muito pesado. Tô quieto porque não sei a real e não quero contribuir pra que ele faça uma merda com a própria vida. Tô com raiva e tô confuso. Isso foi muito inesperado. Tô tentando segurar a onda pra não cometer injustiça… mas preciso de respostas”, escreveu o humorista.

A youtuber Carol Moreira chegou a ser atacada por desconfiar da veracidade do vídeo que serviu como base para a denúncia. Ela pediu desculpas às pessoas que se sentiram ofendidas e explicou sua visão como uma pessoa que trabalha na área. “Só quis ressaltar que, como editora que sou, o vídeo é muito fácil de ser manipulado. Perdão se pareceu outra coisa. Me desculpem”, escreveu. Carol ainda mostrou um aplicativo que cria conversas como a que serviu de base para a denúncia.

Entenda
Uma suposta conversa entre o youtuber PC Siqueira, 34 anos, e uma pessoa anônima foi divulgada na web na tarde de quarta-feira (10). Nas mensagens, que ainda não foram confirmadas como reais ou não, Siqueira revelaria ter recebido fotos de partes íntimas de uma criança de apenas seis anos. O diálogo foi vazado pelo mesmo perfil no Twitter que divulgou os prints da troca de mensagens entre Japinha, baterista do CPM 22, e uma adolescente de 16 anos.

De acordo com o jornal Extra, a Polícia Civil de São Paulo confirmou nesta quinta-feira (11) que apurando as denúncias feitas nas redes sociais. A investigação se dará na 4ª Delegacia de Proteção à Pessoa, do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP).

O vídeo que viralizou na internet mostra um diálogo, supostamente entre Siqueira e um amigo. “Tenho uma coisa pra você”, teria dito o youtuber, logo no início. Após enviar a imagem, ele diz para o outro apagar imediatamente. “De quem era aquela bunda?”, o amigo indaga. Siqueira diz que recebeu a imagem em um Facetime com uma amiga. “Da filha dela”, responde.

“Fiquei reparando no baby doll [risos]. Ela mandou a filha mostrar a bunda pra você?”, indaga o anônimo. “[Risos] Meio que sim. Mas apaga JÁ. TUDO”, pede o youtuber. E acrescenta: “MAS TEVE ISSO. And it was awesome [e foi demais] [risos]”.

“A história é excitante. Quantos anos tem a filha dela?”, pergunta a pessoa. “6”, responde Siqueira, que ri e coloca um emoji de “o que fazer?”. “Sorry. Mas foi só isso também. Mais nada”, ele afirma. “É mais excitante a mãe fazer isso. Do que a menina em si”, diz o amigo, e Siqueira ri e concorda. “Mas ela já mandou fotos tempos atrás. Na época que ela não sabia nada”, diz. “De quê?”, questiona o anônimo. “Da menina”, o youtuber responde. “Mandou foto da menina como?”, insiste o amigo. “[Risos] Tem gente assim no mundo. Como cê acha?”, Siqueira responde. “Pelada ‘caraio’?”, questiona o anônimo. Siqueira afirma: “[Risos] lógico”.

O amigo pergunta se a mulher que mandou fotos da filha fez isso “do nada”. “Uns shots da bunda dela [risos]. Mas foi só uma vez. Ela não faz mais porque agora ela [filha] entende e dá m*rda. Enfim, só queria compartilhar [risos]. Beijos mil, apaga”, finaliza. Confira a suposta conversa do youtuber aqui.

Procurado por vários veículos de comunicação, PC Siqueira ainda não se pronunciou sobre o assunto. Apesar da vericidade do conteúdo não ter sido confirmada, o nome do youtuber ficou no topo dos assuntos mais comentados do Twitter durante a noite de quarta. “Pedófilo” também estava na lista.

Recentemente, o mesmo perfil que divulgou a suposta conversa de PC Siqueira, o “ExposedEmo1”, também expôs o bateirista Japinha, do CPM22. Nas mensagens, trocadas em 2012, ele conversava com uma menor de idade sobre namoro e virgindade, e um possível encontro. A menina, não identificada, dizia ter 16 anos, enquanto o músico, na época, tinha 38. Como consequência, a banda afastou Japinha.

Fonte: Correio