Brasil registra 612 mortes por covid-19 em 24h; total vai a 43.332

O Ministério da Saúde informou neste domingo (14) que foram registradas 612 mortes e 17.110 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas no País. No total, o Brasil soma 43.332 óbitos e 867.624 contaminados. O país é o segundo em casos e mortes por covid-19 no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos.

Dos casos confirmados de coronavírus no país, 435.800 estão em acompanhamento e 388.492 estão recuperados.

O estado de São Paulo segue liderando em número de casos (178 202) e mortes (10.694) decorrentes da doença; seguido pelo Rio de Janeiro (79.572 casos e 7.672 óbitos) e Ceará (76.748 e 4 861).

Bahia
A Bahia registrou, neste domingo (14), 36.401 casos confirmados de covid-19 e 1.105 mortes, doença causada pelo coronavírus. Segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), o estado ainda contabiliza 15.486 pessoas recuperadas e 19.810 indivíduos monitorados com sintomas da covid-19, o que são chamados de casos ativos. Até hoje, 5.162 profissionais da saúde foram confirmados para covid-19. 

Ainda de acordo com o boletim, os casos confirmados ocorreram em 357 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (54,97%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 1.000.000 habitantes são Itajuípe (9.516,37), Ipiaú (8.872,32), São José da Vitória ( 8.485,06), Uruçuca (8.236,27) e Salvador (8.236,27).

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 71.532 casos descartados e 81.601 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17h deste domingo (14).

Taxa de ocupação
Na Bahia, dos 2082 leitos disponíveis do Sistema Único de Saúde (SUS) exclusivos para coronavírus, 1298 possuem pacientes internados, o que representa uma taxa de ocupação de 62% No que se refere aos leitos de UTI adulto e pediátrico, dos 866 leitos exclusivos para o coronavírus, 665 possuem pacientes internados, compreendendo uma taxa de ocupação de 77%.

Fonte: Correio