Fabrício Queiroz estava na casa de Frederick Wasseff há 1 ano, diz caseiro

Fabrício Queiroz, ex-assessor e ex-motorista do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), esteve por cerca de um ano na casa do advogado do parlamentar, Frederick Wasseff, em Atibaia, onde foi preso na manhã desta quarta-feira (18). A informação foi confirmada pelo caseiro da residência à Polícia Civil de São Paulo, conforme informou o delegado Nico Gonçalves, responsável pela operação, em entrevista à GloboNews.

Na mesma conversa, o delegado afirmou que foram apreendidos dois celulares, documentos e e um malote com uma quantia em dinheiro ainda não especificada. Segundo ele, Queiroz estava dormindo no momento da prisão, ficou surpreso, mas não ofereceu resistência, afirmando apenas que estava doente, o que motivou seu encaminhamento ao Instituto Médico Legal (IML) para exames. 

Vale lembrar que em setembro de 2019, em entrevista concedida ao programa Em Foco, da mesma emissora, Frederick Wasseff afirmou que não sabia do paradeiro o ex-assessor e que não era advogado dele.

Os questionamentos sobre o paradeiro de Queiroz também irritavam o presidente Jair Bolsonaro. Em outubro do ano passado, ele rebateu um ciclista que perguntou sobre Fabrício afirmando que “tá com sua mãe”, disse o Chefe de Estado na saída do Palácio da Alvorada.

 

Fonte: Agencia Brasil