Tribunal nega desbloqueio de bens da ex-primeira dama Marisa Letícia

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), com sede em Porto Alegre, rejeitou um recurso da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para anular a decisão que determinou o bloqueio de bens da ex-primeira dama Marisa Letícia, que morreu em 2017. 

No mesmo ano, o bloqueio de bens de Lula e de Marisa Letícia foi determinado pelo então juiz Sergio Moro para garantir a reparação de danos à Petrobras em razão da condenação do ex-presidente no processo do apartamento triplex no Guarujá (SP). 

Ao julgar o caso, na sessão desta quarta-feira (24), o TRF-4 entendeu que outros dois recursos sobre a mesma questão foram rejeitados e é preciso aguardar o julgamento definitivo dessas ações. 

A defesa de Lula alegou que não há motivos para a manutenção do bloqueio porque o ex-presidente não foi indiciado no inquérito da Polícia Federal (PF) que apura as palestras proferidas por ele. Os recursos bloqueados foram obtidos por meio das palestras, segundo os advogados. 

Fonte: Agencia Brasil