Um ataque com faca realizado na cidade de Glasgow, a maior da Escócia, deixou pelo menos três mortos, segundo informações preliminares divulgadas pela imprensa local nesta sexta-feira, 26. O suspeito de realizar os ataques foi baleado pela polícia e morreu. Pelo menos seis pessoas feridas, incluindo um policial, foram hospitalizadas.

A polícia local informou que os serviços de emergência estão lidando com o incidente ocorrido no centro da cidade, nas proximidades do hotel Park Inn, e pediu que a população evite a área. Dezenas de veículos policiais estão na região, que teve ruas e avenidas fechadas.

De acordo com o jornal britânico The Guardian, o incidente foi contido e já não há mais perigo. A primeira-ministra Nicola Sturgeon afirmou que os relatos eram “verdadeiramente terríveis” e que ainda estava se atualizando sobre a situação. As motivações do crime ainda estão sendo investigadas.

“Os relatos do centro da cidade de Glasgow são terríveis. Meus pensamentos estão com todos os envolvidos. Estou sendo atualizada enquanto a situação se esclarece. Por favor, ajudem os serviços de emergência a fazerem seu trabalho mantendo distância do local. E, por favor, não compartilhem informações não confirmadas”, disse.

Reino Unido teve outro ataque com faca há seis dias

A polícia do Reino Unido classificou como “ataque terrorista” um crime com facadas em um parque na cidade de Reading, no sábado, 20. A ação deixou três mortos e três pessoas gravemente ferida. De acordo com testemunhas, um homem atacou vários grupos reunidos em um parque que aproveitavam a tarde ensolarada após semanas de confinamento.

“A polícia antiterrorista confirma que os atos foram declarados como um incidente terrorista”, afirmou um comunicado da força de segurança local.

Fonte: Correio