HOJE: Secretário de Saúde Leo Prates explica reabertura de Salvador em live no CORREIO

Após mais de 120 dias dias de restrições ao funcionamento da atividade econômica, a Prefeitura de Salvador anunciou um protocolo para a retomada das atividades, que começa a ser colocado em prática esta semana. Em live promovida pelo CORREIO nesta quinta-feira (23), às 18h, o secretário municipal de Saúde, Leo Prates (@leoprates), vai explicar como funciona este protocolo e de que forma se dará a aguardada retomada de comércios e negócios.

Prates será o participante de estreia do quadro Política & Economia, com entrevistas conduzidas pelo jornalista Donaldson Gomes através do Instagram do jornal (@correio24horas).

Atuando na linha de frente da estratégia de combate à pandemia do novo coronavírus na capital, Leo Prates (@leoprates) é secretário municipal de Saúde e deputado estadual licenciado. Ele é formado em Engenharia Elétrica e Pós Graduado em Administração pela Universidade Federal da Bahia.

A live Política & Economia será fixa às quintas-feiras, sempre apresentada por Donaldson Gomes (@donaldsongomes), que é editor e colunista do CORREIO nas áreas de política e economia.  

“A proposta é aproximar a audiência do CORREIO desta temática, levando ela para as redes sociais. Léo Prates é nosso primeiro convidado e tem muito a falar sobre o trabalho dele na prefeitura, além de ser um político forte no cenário municipal. A live tem uma proposta bastante informal, não é sabatina, é um bate-papo mesmo”, explica o colunista, que é formado em jornalismo pela Universidade Federal da Bahia.

Coordenador digital do CORREIO, Wladimir Pinheiro explica que a iniciativa integrará a grade de transmissões ao vivo do Instagram do CORREIO e a ideia é entrevistar cientistas políticos, candidatos, líderanças da economia baiana, entre outros. Os próximos nomes já confirmados são Carlos Andrade, presidente da Fecomércio, e em seguida Jatahy Jr. presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Ao mesmo tempo em que lança esta live, o CORREIO também comemora sucessos em suas estratégias digitais. Segundo Wladimir, em maio, logo no começo da pandemia, o jornal atingiu seu recorde de acessos no site.

A partir daí, toda a equipe reuniu investimentos para a produção de conteúdo exclusivo e ágil diante da demanda muito grande de informações que iriam, de fato, impactar a vida do leitor como o fechamento de escolas, comércios, atualizações sobre vacinas. O jornal foi também um dos primeiros a aderir à abertura de conteúdo gratuito sobre a covid-19 para informar os cidadãos.

“Reforçamos a estrutura de produção e a distribuição do conteúdo. Criamos cinco grupos de Whatsapp exclusivos para conteúdos relacionados ao coronavírus. Também reforçamos a cobertura no Instagram. No começo da pandemia tinhamos 305 mil seguidores e hoje mais de 390 mil”, comemora.

“A produção de conteúdo era restrita ao impresso, mas de fato hoje a gente produz conteúdo e distribui onde a nossa audiência quiser ter acesso a esse conteúdo. Se no futuro, vamos publicar no espelho do banheiro, ou no parabrisas dos carro, pouco importa. Nosso negócio é jornalismo bem feito. A apuração, independente de onde vai ser divulgado”, conclui o coordenador. 

Fonte: Correio