Após anunciar cancelamento, prefeitura do Rio diz que Revéillon será adaptado

Após anunciar cancelamento da festa, a prefeitura do Rio de Janeiro afirma que o Revéillon ocorrerá de maneira “adaptada” à pandemia na capital fluminense. “Com relação ao réveillon, esse modelo tradicional que conhecemos e que praticamos na cidade há anos, assim como o carnaval, não é viável neste cenário de pandemia, sem a existência de uma vacina”, havia afirmado o Executivo na última sexta-feira (24). 

Contudo, em nota divulgada após a repercussão, a gestão de Marcelo Crivella (Republicanos) mudou o tom, e disse que “não é verdade que a Prefeitura do Rio, por meio da Riotur, tenha cancelado o réveillon carioca. A Riotur jamais divulgou qualquer informação sobre cancelamento do réveillon”, diz o texto.

A prefeitura ainda ressaltou que no cenário da pandemia “onde ainda não temos uma vacina (sic)” a Riotur estuda “modelos para a virada de 2020 para 2021, que em breve ainda serão apresentados ao Prefeito Marcelo Crivella e ao gabinete científico”.

Em entrevista ao portal G1, Crivella disse que “nada está definido” em relação à festividade na cidade. “É muito recente a mágoa a tristeza então estamos aguardando. Nada tem definido. Se zerar tudo e continuar sepultando menos gente, vamos ter aprendido uma forma de viver e nossa dor tenha diminuído muito. Vou fazer pesquisa e consultar a população”, pontuou.

Fonte: Agencia Brasil