Sarau do CORREIO em homenagem a Jorge Portugal reúne artistas neste sábado (8)

Uma homenagem para o professor Jorge Portugal acontece neste sábado (8) no Instagram do CORREIO, com um sarau que contará com participações de Margareth Menezes, Gabriel Póvoas e Roberto Mentes, além de nomes como João de Moraes Filho,  J. Velloso, José Inácio Vieira de Melo, Raimundo Sodré eMarcelo Caetano. O Sarau para Portugal acontece a partir das 18h. 

Portugal faleceu no último dia 3, aos 63 anos, por falência cardíaca aguda. Ele deixou esposa e três filhos, além de inúmeros amigos e admiradores.

“Jorge Portugal me inventou. Ele me ensinou que a palavra nao é apenas substantivo, é poesia. Jorge era a palavra do meu canto. Eu estou pela metade. Faço questão de participar desse sarau porque quero que meu amigo permaneça aqui”, diz Roberto Mendes após ser convidado para a transmissão.

O cantor baiano Gabriel Póvoas, 34 anos, fez uma música em homenagem a Portugal, um dia após a morte do professor. A canção é baseada em uma poesia de Clarissa Macêdo, que também homenegeou o letrista santo-amarense.

Ao CORREIO, Gabriel contou como a composição surgiu. “Eu já venho compondo em cima de poemas há um tempo. Quando Clarissa fez a poesia um dia depois da morte de Jorge, eu pensei em fazer uma canção que homenageasse essa figura tão importante para a Bahia. A gente conversou sobre isso e eu comecei a produzir a canção imaginando que ele quisesse que a sua memória gerasse mais música e mais poesia” conta o cantor, que conheceu Jorge de perto quando ele participou do Sarau da Sílabas, um projeto do cantor.

Jorge Portugal
Nesta segunda-feira (3), o professor, escritor, poeta e apresentador morreu, aos 63 anos, por falência cardíaca aguda, conforme informado pela assessoria do Hospital Geral Roberto Santos, onde estava internado. 

“O Hospital Geral Roberto Santos (HGRS) comunica, com pesar, o falecimento de Jorge Portugal, por volta das 20h15 (horário de Brasília), de falência cardíaca aguda. O professor e ex-secretário de Cultura da Bahia estava internado na unidade de terapia intensiva (UTI) cardiovascular da instituição. A diretoria do HGRS apresenta sua solidariedade aos familiares e amigos ao tempo que se coloca em oração”, diz a nota da unidade.

Ele, que completaria 64 anos na próxima quarta-feira (5), foi levado ao local no início da tarde desta segunda-feira (3), pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Só durante o trajeto, ele sofreu quatro paradas cardíacas.

Segundo a assessoria da unidade, Portugal foi admitido “em estado crítico” e estava em coma induzido até o início da noite. Assim que foi admitido no hospital, foi colhido material para teste RT-PCR, exame que identifica o novo coronavírus, o que tem sido uma medida protocolar. 

Além de ter sido professor de muita gente na Bahia, Jorge Portugal era também compositor, poeta e apresentador. Natural de Santo Amaro, no Recôncavo, Portugal era um compositor e letrista aclamado, com parcerias de sucesso com Roberto Mendes, em ‘Só Se Vê Na Bahia’, e com Raimundo Sodré, em ‘A Massa’.

Deixou a Secretaria da Cultura da Bahia em 2017, alegando questões pessoais e profissionais. Na TV, foi o idealizador e apresentador do programa “Aprovado”, exibido na TV Bahia. 

Emotiva ao atender a ligação, sua esposa, Rita Portugal, não pode falar com a reportagem por estar na sala de espera da UTI (Unidade de Terapia Intensiva), onde aguardava mais notícias do marido. “Tô aqui orando”, disse Rita, às 19h50. Menos de 30 minutos depois, veio a notícia de sua morte. 

Fonte: Correio