Falha provoca atrasos e aglomerações no metrô: 'Sensação de terror'

Quem precisou pegar o metrô de Salvador para ir trabalhar na manhã desta segunda-feira (17) sofreu com atrasos e com o perigo das aglomerações em tempos de pandemia.

Segundo a CCR Metrô Bahia, responsável pelo serviço, uma “falha pontual” foi registrada na Linha 2 (entre Aeroporto e Acesso Norte) na manhã desta segunda-feira (17). Por conta disso, os trens circularam com velocidade reduzida e intervalo maior entre as viagens.

A demora extra fez com que os passageiros se aglomerassem tanto na estação quanto nos vagões, como registraram vídeos enviados por leitores. Assista:

O assistente administrativo Samuel Teixeira, 39, relatou que precisou esperar 30 minutos na estação até o metrô chegar. Já dentro do vagão, a viagem levou 1h10 do Aeroporto até o Acesso Norte.

“Nas estações tinha tanta gente que precisei esperar na escada pois não tinha espaço na plataforma. Já o trem estava quase parando, até quem fazia caminhada pela Paralela andava mais rápido”, disse.

O medo era ainda maior dentro do vagão que, por ser fechado e funcionar com ar-condicionado, facilita o contágio do coronavírus. “Era uma sensação de terror. Ainda mais que como o trem estava muito devagar, tinha o receio dele parar no meio dos trilhos a qualquer momento”, lembrou.

Para contornar o problema, a concessionária informou que injetou trens extras na operação e está informando aos clientes sobre a ocorrência por meios de avisos sonoros e placas de sinalização. Não foi informado qual falha provocou o problema no serviço.

Ainda de acordo com a CCR Metrô Bahia, os reparos já estão sendo feitos para corrigir o problema. A linha 1 não foi afetada.

Fonte: Correio