Benfica desiste de Cavani após ele pedir R$ 66 milhões por ano

O Benfica não terá Edinson Cavani como seu camisa 9. Depois de semanas de negociação, o clube desistiu de contratar o atacante uruguaio, após ele fazer altas exigências salariais. A informação vem dos três principais jornais esportivos de Portugal, A Bola, O Jogo e Record.

Segundo o A Bola, o ex-jogador do Paris Saint-Germain e seu irmão e agente, Walter Guglielmone, pediram 10 milhões de euros líquidos por ano – que correspondem a R$ 66 milhões, na atual cotação. Desta forma, o valor investido pelo Benfica chegaria a 60 milhões de euros brutos (quase R$ 400 milhões) nos três anos de contrato que o atleta assinaria.

Treinado por Jorge Jesus, o Benfica não aceitou e Cavani, de 33 anos, segue livre no mercado. Maior artilheiro do PSG, ele deixou a equipe francesa no fim de junho, sem aceitar a proposta de renovação do vínculo por apenas dois meses, para que pudesse disputar a reta final da Liga dos Campeões. Thiago Silva, por sua vez, topou a extensão e fará, na decisão da Champions, contra o Bayern, seu último jogo pelo clube.

Fonte: Correio