Prefeito de Madre vai pedir reforço na segurança após atentado

Depois do susto, a busca por mais precaução. Na última sexta-feira (4) o prefeito de Madre de Deus, Jailton Santana (PTB), também conhecido como Jailton Jajai ou Jailton Polícia, sofreu um atentado quando saía de sua casa em São Francisco do Conde. Bandidos em uma moto atiraram quatro vezes contra o carro que ele e o seu motorista identificado como Adriano estavam. O prefeito, que é policial militar, atirou de volta por três vezes.

Carro do prefeito ficou com marcas de tiros
(Foto do Leitor CORREIO)

Ninguém ficou ferido e a dupla já teve alta após ficar em observação no Hospital Municipal de Madre de Deus. Contudo, segundo informações da Prefeitura do município ele vai solicitar reforço em sua segurança pessoal à Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP).

O CORREIO apurou que Jailton veio a Salvador neste sábado (5) para realizar exame de corpo de delito na capital baiana. O caso será investigado pela 21ª Delegacia Territorial (DT/São Francisco do Conde).

Motorista e assessor do prefeito, Adriano foi quem sofreu mais. Por conta do susto, teve um pico de pressão e uma lesão nas costas porque Jailton precisou se jogar em cima dele durante o confronto. Ele também foi liberado. Ao saber do acontecimento, a esposa de Jajai, Jodiane, se sentiu mal.

Fontes ligadas ao prefeito suspeitam de que o atentado aconteceu porque o prefeito fez declarações fortes contra o tráfico de drogas local durante a última semana, em entrevista a uma rádio local. Ele afirmou que um vereador eleito no município tem ligação com o crime organizado.

Jailton Jajai, também conhecido como Jailton Polícia, é prefeito de Madre de Deus em exercício desde o início do mês de maio após a 6ª Vara da Fazenda Pública de Salvador atender o pedido do Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) e ordenar o afastamento do antigo prefeito Jeferson Andrade (PP) do cargo por suspeita de irregularidades na obra do Parque Industrial de Madre de Deus.

Jajai assumiu por ser o vice-prefeito da chapa eleita em 2016. Ele estava contaminado com o coronavírus e publicou na última quarta-feira (2) que estava curado da doença.

Fonte: Correio