Tays Reis, MC Mirella, Biel e mais: veja quem realmente entrou em A Fazenda 12

Biel, Tays Reis, Jojo Todynho, MC Mirella são alguns dos nomes que realmente entraram na 12ª edição do reality A Fazenda, da Record, que estreiou nesta terça-feira (8) e tem apresentação de Marcos Mion.

A cantora baiana Tays, ex-vocalista da banda Vingadora, já tinha sido confirmada pelo colunista Flavio Ricco, do R7. Ela ficou famosa com o sucesso Paredão Metralhadora.

Baiana Tays Reis, do hit 'Paredão Metralhadora', estará em A Fazenda

(Foto: Divulgação)

Outro participante que tem forte relação com a Bahia é JP Gadêlha, o bombeiro, que mora em Feira de Santana, queimou línguas e virou estrela mundial da Netflix.

“Nasci em Recife. Cresci em Pernambuco e aos 19 anos me tornei Oficial R2 do Exército Brasileiro, permanecendo na instituição por quase 9 anos. No período em que fui Oficial, morei em Natal, João Pessoa e retornei para Recife. Com o término do meu tempo de serviço nas Forças Armadas, aos 28 anos prestei o concurso para o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia e me mudei para Salvador, onde realizei o curso de formação. Atualmente resido em Feira de Santana”, contou ele, em abril, em entrevista à coluna Baianidades, do CORREIO.

Nas redes sociais, ele tem fama de ‘biscoiteiro’, mas, no bate-papo com este veículo, JP mostrou que tem conhecimento sobre temas diversos. Ele é conhecido como um cara que respeita as diferenças (de todos os tipos) e discordou da reportagem quando perguntamos se, no meio militar, é comum ver ‘uma galera com a mente mais “fechada”’. 

“Não podemos jamais confundir os regramentos militares a que estamos submetidos com a “rigidez mental”. Nós, militares, por força do regulamento, devemos ter disciplina – entendida como a rigorosa observância e o acatamento integral das leis, regulamentos, normas e disposições que fundamentam o organismo militar. Então, por termos a disciplina como pilar, a sociedade comumente nos encara como “mentes fechadas”, mas essa não é a realidade. O Estatuto que nos rege, por exemplo, determina que respeitemos a dignidade da pessoa humana (dentro e fora de serviço), de modo que vigora o pensamento institucional de que o ser humano deva ser respeitado sob qualquer perspectiva. Percebo que esse pensamento – de respeito e tolerância ao próximo – tem ganhado cada vez mais força na sociedade e, por conseguinte, na nossa instituição”, disse.

JP Gadêlha, 31 anos, é bombeiro militar da Bahia e “novo baiano”
(Fotos: Reprodução/Instagram)

Confira a lista completa dos participantes.

Fonte: Correio