Mata Escura terá restrições após aumento dos casos de covid; veja lista

O prefeito ACM Neto anunciou nesta sexta-feira (11) o início de medidas restritivas no bairro da Mata Escura por causa do número de infectados pelo novo coronavírus. Foram registrados 1.165 casos de covid-19 desde o início da pandemia em Salvador, sendo 637 no último mês e 144 nos últimos sete dias.

Já os bairros de Plataforma e Castelo Branco saem da lista de restrições. Águas Claras, Pernambués, Santa Cruz, Nordeste de Amaralina e São Cristóvão continuam na lista de medidas restritivas. 

De acordo com o prefeito ACM Neto, a situação mais grave acontece em Santa Cruz e no Nordeste de Amaralina. O primeiro tem 40% dos testes com resultado positivo, e o segundo, 38%. Atividades têm autorização de funcionamento das 10h às 16h.

Reabertura de cinemas e teatros
A terceira fase de reabertura da cidade anunciada nesta manhã vai permitir o funcionamento de cinemas, teatros e do Centro de Convenções. Os cinemas poderão funcionar de segunda a domingo, das 12h às 23h. Serão liberados apenas 100 frequentadores por sessão.

A venda de ingresso será apenas online e serão oferecidas até duas poltronas vizinhas na mesma compra. Os cinemas terão que ter duas poltronas de distância para cara cadeira ocupada. Os filmes 3D estão proibidos.

Uso de máscara é obrigatório do início ao fim do filme. As salas terão que ser higienizadas antes de cada sessão e tem que haver 20 minutos de intervalo entre as sessões para haver higienização. A venda de pipoca poderá ser liberada, mas só poderá ser consumida dentro das salas.

Teatro poderá funcionar com horário livre, mas será preciso uma hora de intervalo entre uma sessão e outra. O limite máximo é de 100 pessoas por especátulo.

“Os resultados de Salvador no combate ao novo coronavírus têm sido excelentes nesses seis meses de medidas contra a doença. Quando anunciamos a reabertura de alguma atividade é porque temos plena convicção de que isso pode acontecer com segurança. A taxa de ocupação das UTIs, por exemplo, tem reduzido continuamente e já está abaixo de 40%”, disse ACM Neto. 

Centro de Convenções
Os centros de convenções e eventos terão horário e dias livres de funcionamento. Será obrigatória a organização do fluxo de movimentação, para evitar cruzamentos entre as pessoas e aglomerações. O uso de máscaras será obrigatório, inclusive para apresentadores e palestrantes. Ficam proibidas feiras e similares. 

A capacidade de ocupação é de uma pessoa a cada seis metros quadrados, com limite de 100 por salão de evento, sempre respeitando o distanciamento mínimo de 1,5m entre os cidadãos. A medição de temperatura deverá ser feita na entrada. O credenciamento de expositores, palestrantes e todos os demais participantes das convenções e eventos deverá ser feito de forma prévia e virtual. 

A autorização será apenas para seminários, congressos e outros eventos em que as pessoas ficam sentadas e podem manter o distanciamento. As casas de espetáculo estão liberadas para funcionar, mas os show continuarão proibidos. 

Durante a montagem e desmontagem das estruturas dos eventos, deverão ser garantidos o afastamento mínimo e o uso de máscaras e EPIs pelos empregados.

Reaberturas
Essa fase vai ampliar para 50% a ocupação dos salões de beleza e academias, antes era apenas 30%. Os horários de funcionamento desses estabelecimentos poderão ser extendidos das 19h para as 20h.

As cantinas e lanchonetes de academias já poderão reabrir.

Fonte: Correio