Na estreia de Mano, Bahia recebe Atlético-GO e tenta encerrar seca

Um novo ciclo começa para o Bahia neste domingo (13). A partir das 18h, o tricolor recebe o Atlético-GO, no estádio de Pituaçu, pela 10ª rodada do Brasileirão. A principal novidade no Esquadrão vai estar na beira do campo.

É a estreia do técnico Mano Menezes. Substituto de Roger Machado, ele já chega com a pressão de ter que fazer o time vencer para quebrar o jejum de seis partidas. O último triunfo foi pela terceira rodada, 2×1 sobre o Red Bull Bragantino, no mesmo Pituaçu.

Para piorar, no período sem vitórias o time ainda atingiu outra marca negativa. O Bahia começa a rodada como a pior defesa do Brasileirão, ao lado do Bragantino, com 14 gols sofridos. Problemas que Mano Menezes vai ter que resolver.

“A gente não tem receita pronta no futebol. O tempo varia de time para time. Às vezes se tem jogadores com capacidade de entendimento muito boa. O que eu vou propor não é algo diferente do que vinha sendo feito. A experiência, o conhecimento, o fato de ter passado por situações como essa, te fazem conhecer atalhos importantes para dar tranquilidade aos jogadores, ter um bom ambiente”, explicou Mano Menezes.

Aos poucos, Mano está conhecendo o elenco. O que ele já sabe mesmo é que não vai poder contar com o volante Gregore. O camisa 26 foi expulso contra o Grêmio e cumpre suspensão.

A boa notícia é o retorno de Juninho Capixaba e de Ronaldo, que desfalcaram a equipe na rodada anterior. Capixaba, inclusive, teve uma longa conversa com Mano Menezes durante a primeira atividade que o treinador comandou na Cidade Tricolor, sexta.  Nesse trabalho, o foco foi nas jogadas defensivas, principalmente nas saídas dos laterais.

“Independentemente de qualquer ideia, a parte de execução dos jogadores é fundamental. Ninguém executa bem se não enxergar lógica no que o treinador propõe. Isso é o que vou fazer no primeiro momento, apresentar como ideia. Existem coisas que são prioritárias, uma delas é não tomar tantos gols. Não é possível vencer partidas grandes tomando tantos gols. Se continuar fazendo gols e diminuir a quantidade de gols sofridos, estaremos mais próximos do resultado positivo. Isso que faremos no primeiro momento”, disse Mano.

Enquanto o Bahia tem ânimo renovado com a chegada de um novo comandante e vive a expectativa de voltar a vencer, do outro lado vai encontrar um adversário motivado. 

As duas equipes somam nove pontos e o Atlético supera o Bahia no saldo de gols, mas até a última rodada o Dragão estava na zona de rebaixamento. O time treinado por Vagner Mancini conseguiu uma boa virada sobre o Vasco, em São Januário, e venceu por 2×1. O único desfalque do rubro-negro será o volante Marlon, que se machucou e foi vetado.

Prováveis escalações:

Bahia: Douglas (Mateus Claus), Nino Paraíba, Ernando, Juninho e Juninho Capixaba; Edson, Ronaldo, Daniel e Rodriguinho; Élber e Gilberto. Técnico: Mano Menezes.

Atlético Goianiense: Jean, Dudu, João Victor, Eder e Nicolas; Edson, Matheus Frizzo e Ferrareis; Janderson, Renato Kayzer e Chico. Técnico: Vagner Mancini.

Fonte: Correio