Damares demite mulher de blogueiro investigado por atos antidemocráticos

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, demitiu a secretária nacional de Políticas de Promoção de Igualdade Racial da pasta, a jornalista e cineasta indígena Sandra Terena. A informação é da CNN Brasil.

Essa medida teria sido tomada porque Sandra é casada com o blogueiro e jornalista bolsonarista Oswaldo Eustáquio, que é investigado e chegou a ser preso pela Polícia Federal em junho no âmbito do inquérito que apura financiamento de atos antidemocráticos no Brasil e ataques ao Congresso Nacional e ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Conforme apurou a CNN, a ministra teria reclamado que a secretária estaria apoiando, nos bastidores, algumas iniciativas e ações de “ativismo” do marido. O cargo de Sandra deve ser assumido por Ezequiel Roque, atual número dois da Secretaria de Políticas de Promoção de Igualdade Racial.

Fonte: Agencia Brasil