Dengue dá 'algum nível de imunidade' à Covid-19, sugere estudo feito no Brasil

Um estudo sobre a pandemia do novo coronavírus no Brasil, ainda não publicado, indicou que a exposição à dengue pode fornecer “algum nível de imunidade” contra Covid -19. As informações são da agência de notícias Reuters, que entrevistou o líder da pesquisa com exclusividade. 

O professor Miguel Nicolelis, da Duke University, dos Estados Unidos, explicou que sua equipe comparou a distribuição geográfica dos casos de Covid-19 com a disseminação da dengue em 2019 e 2020. Locais com taxas mais baixas de infecção por coronavírus e crescimento mais lento de casos foram os mesmo que sofreram surtos de dengue recentemente.

Essa poderia ser uma possível explicação para o fato de a Covid-19 ter demorado mais para atingir um nível de alta transmissão nos Estados do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais: todos sofreram com alta incidência de dengue no ano passado e no início deste ano, em comparação a Estados como Amapá, Maranhão e Pará.

À Reuters, o professor lembrou que outros estudos haviam mostrado que pessoas com anticorpos da dengue no sangue podem apresentar resultados falso positivo para anticorpos Covid-19, e comentou: “Isso indica que há uma interação imunológica entre dois vírus que ninguém poderia esperar, porque os dois vírus são de famílias completamente diferentes”, disse. 

Nicolelis contou que sua equipe se deparou com a descoberta por acidente, durante um estudo sobre a disseminação da Covid-19 pelo Brasil tendo em vista as rodovias. A equipe, então, identificou pontos sem casos no mapa e buscou explicações, cruzando dados sobre a disseminação da dengue. 

O professor lembrou, no entanto, que outros estudos são necessários para comprovar o possível vínculo.

Fonte: Agencia Brasil