Grêmio bate Inter e já tem 10 jogos de invencibilidade no Gre-Nal

Em um jogo muito truncado e de pouca técnica, o Grêmio derrotou o Internacional por 1×0 no Beira-Rio, em Porto Alegre, nesta quarta-feira (23), e manteve a soberania no clássico Gre-Nal ao chegar a dez jogos sem perder para o maior rival. Além disso, com a vitória, conquistada com gol de Pepê, a equipe ganhou fôlego na Libertadores e embolou o Grupo E.

Com o resultado positivo no Gre-Nal 427 da história, o Grêmio está invicto já há mais de dois anos. Em 2020, foram quatro triunfos e um empate. O time colorado não marcou um gol sequer em todos os clássicos neste ano e segue a sina de não conseguir derrotar o arquirrival desde setembro de 2018.

De quebra, a equipe de Renato Gaúcho se redimiu do revés para a Universidad Católica no Chile, na semana passada, e colou no Inter no grupo E. Os dois somam sete pontos, mas a equipe colorada lidera a chave por ter saldo de gols superior (3 contra 1). América de Cali e Universidad Católica, que empataram por 1×1 nesta quarta, na Colômbia, somam quatro pontos cada.

O Grêmio marcou o gol decisivo aos 28 minutos do segundo tempo. Um dos melhores da partida, Pepê recebeu de Darlan, levou para a perna direita e finalizou com categoria, no canto esquerdo de Marcelo Lomba para marcar um belo gol. O jovem fez história ao anotar o primeiro – e até agora único – gol da história de um Gre-Nal na Libertadores. No outro, disputado no dia 12 de março, houve empate de 0x0 na Arena do Grêmio.

Os dois têm compromisso pela quinta rodada da fase de grupos da Libertadores na próxima terça-feira, dia 29. O time tricolor encara a Universidad Católica do Chile em Porto Alegre, às 19h15. Às 21h30, a equipe colorada visita o América de Cali, na Colômbia. Antes, no sábado, ambos entram em campo pela 12ª rodada do Brasileirão. Às 19h, o Inter recebe o São Paulo no Beira-Rio, e o Grêmio visita o líder Atlético-MG, no Mineirão, às 21h.

Fonte: Correio