Ferramenta mostra quanto sua cidade ficou mais quente nos últimos anos; confira

O jornal estadunidense “The New York Times”, em parceria com a agência espacial dos Estados Unidos (Nasa), lançou uma plataforma que permite saber o quanto a temperatura mudou em cada cidade no mundo no tempo de vida dos usuários, além de prever como deve ser o avanço do aquecimento global nos próximos anos.

A base para as análises foi a quantidade de vezes que, em um ano, as temperaturas máximas atingem ao menos 32ºC. Por exemplo, uma pessoa que nasceu em 1990 em Belo Horizonte viveu, em média, três dias por ano com temperaturas acima do patamar elencado naquele ano. Em 2020, a expectativa é de que haja 12 dias. 

Em 2070, quando ela completar 80 anos, a média de dias com temperaturas acima dos 32ºC será de 37 por ano, com variação entre 26 e 85 dias, conforme o modelo matemático desenvolvido. 

Confira neste link o seu resultado. 

Fonte: Agencia Brasil