'Em um momento de desatenção, sofremos o gol', lamenta Pivetti

O empate em 1×1 do Vitória com o Operário-PR no estádio Germano Krüger, nesta sexta-feira (2), teve sabor amargo para o torcedor rubro-negro, que via seu time ganhar até os 46 minutos do segundo tempo. Mas, apesar do resultado frustrante, o técnico Bruno Pivetti achou motivos para elogiar a postura da equipe na partida, válida pela 13ª rodada da Série B.

“Nós estivemos bem no jogo, com um bom nível de compactação. Conseguimos criar algumas boas oportunidades. Além do gol, nós tivemos duas bolas na trave, bom volume ofensivo. Hoje a equipe estava mais compacta em campo sem bola, conseguimos defender bem a trave. Infelizmente, já nos acréscimos, em um momento de desatenção, sofremos o gol. Agora, é olhar para frente, fazer as correções, os ajustes necessários para que isso não mais aconteça”, disse o treinador.

“Eu creio que a equipe esteve bem concentrada. Teve um momento de desatenção ali no fim do jogo, que significou o empate do adversário. Nós sabemos que, no futebol, a necessidade de foco é 100%, do começo ao fim do jogo. Infelizmente, sofremos esse gol. Vamos trabalhar para que isso não ocorra novamente”, continuou.

Na atual edição da Série B, o Vitória tem média de 1 gol sofrido por partida – em 13 jogos feitos, as redes rubro-negras foram vazadas 13 vezes. Para Pivetti, o sistema defensivo da equipe evoluiu contra o Operário. 

“Creio que, nessa partida em específico, a equipe marcou melhor, teve os jogadores mais próximos, juntos. Nível de compactação melhor. Infelizmente, tivemos a falha no fim, que significou o gol do adversário. Eu já vi uma evolução defensiva, mas que, infelizmente, no fim do jogo, sofremos o gol. Agora é continuar e ajustar esses pontos, para que a equipe esteja cada vez mais sólida defensivamente”, analisou.

O Vitória agora retorna a Salvador, onde se prepara para dois jogos no Barradão: contra o América-MG, às 19h15 de terça-feira (6), e, depois, contra Avaí, às 16h30 do sábado (10). 

“Temos que olhar para frente, focar ao máximo nesse próximo jogo contra o América-MG. Será uma partida muito importante, sabemos da qualidade do adversário. Mas temos condições de buscar a vitória e, depois, pensar no jogo seguinte”, falou Pivetti.

Fonte: Correio