Causas de desabamento de prateleiras ainda não foram descobertas

Por meio de nota, a Superintendência de Homicídio e Proteção à Pessoa (SHPP) informou que “o inquérito  sobre o desabamento de prateleiras que ocorreu na noite da última sexta-feira (2), no supermercado Mix Mateus Atacarejo, situado no bairro Vinhais, em São Luís, deve apontar se houve imperícia ou qualquer tipo de negligência que tenha ocasionado o fato”.

O Instituto de Criminalística (Icrim) esteve no local na madrugada, onde realizaram os trabalhos iniciais de perícia. Uma pessoa morreu: Elane de Oliveira Rodrigues, que trabalhava no supermercado há dois meses. Ela tinha 21 anos, e, segundo o pai, sonhava em cursar administração de empresas.Oito pessoas ficaram feridas.

O Ministério Público do Trabalho no Maranhão (MPT-MA) anunciou que também vai as causas do desabamento. “Sobre o acidente ocorrido na noite de sexta-feira (2), no Mix Mateus Atacarejo, no bairro Vinhais, em São Luís, o Ministério Público do Trabalho no Maranhão (MPT-MA) informa que irá instaurar inquérito civil para apurar as causas. O órgão ministerial ressalta que envidará esforços para que ocorra o cumprimento rigoroso das normas de saúde e segurança de trabalho a fim de evitar novos acidentes. O MPT-MA se solidariza com familiares e amigos das vítimas e reforça seu compromisso de atuar na defesa dos direitos trabalhistas e na garantia de um meio ambiente de trabalho seguro e saudável”.

A rede de supermercado disse que está acompanhando os trabalhos e prestando assistência aos familiares das vítimas.

Fonte: Agencia Brasil