Deputada Flordelis é intimada a usar tornozeleira eletrônica

A deputada federal Flordelis (PSD-RJ) foi intimada pela Justiça na noite dessa terça-feira (6) a se apresentar na Secretaria de Administração Penitenciária do Rio de Janeiro (Seap-RJ) para colocar uma tornozeleira eletrônica. A informação é do portal G1.

A pastora é acusada de ter mandado matar o seu próprio marido, o pastor Anderson do Carmo, em junho de 2019. Ela não foi presa porque tem imunidade parlamentar, mas está proibida de sair de casa durante a noite.

Leia mais: Flordelis se declara para o marido, o qual ela é acusada de mandar matar

Ela virou ré em setembro deste ano por diversos crimes relacionados ao caso, incluindo homicídio triplamente qualificado e associação criminosa. Oito pessoas foram presas, sendo sete filhos e uma neta dela.

Fonte: Agencia Brasil