Lewis Hamilton vence 91ª corrida e iguala Michael Schumacher

Lewis Hamilton deu neste domingo (11) mais um passo rumo ao sétimo título da carreira e, de quebra, rumo à história. O inglês venceu o GP de Eifel, em Nürburgring, na Alemanha, e igualou o recorde de 91 vitórias de Michael Schumacher na história da Fórmula 1.

O piloto da Mercedes assumiu a ponta na 13ª volta, do total de 60, após um erro do companheiro de equipe Valtteri Bottas. O filandês, que largou na pole position, abandonou mais tarde com problemas no motor.

Max Verstappen, da Red Bull Racing, ficou com o segundo lugar. Ele chegou a encostar em Lewis após entrada do carro de segurança, mas o inglês manteve a ponta, fez por quatro vezes a volta mais rápida e confirmou mais uma vitória.

Daqui a duas semanas, Lewis Hamilton terá a primeira chance de tornar-se o recordista isolado de vitória na Fórmula 1. A próxima corrida será em Portimão, em Portugal, no dia 25 de outubro.

Daniel Ricciardo, da Renault, terminou em terceiro lugar. Foi o primeiro pódio da equipe desde o retorno à F1, em 2016. Sergio Pérez, da Racing Point, acabou em quarto.

Hamilton chegou a 230 pontos na liderança do campeonato, contra 161 de Bottas e 145 de Verstappen.

Após a corrida, no pódio, Lewis recebeu uma réplica do capacete de Michael Schumacher. O presente foi dado por Mick Schumacher, filho de Michael e piloto reserva da Alfa Romeo.

A peça é uma réplica da usada por Schumi em 2012, último ano do heptacampeão na F1. Curiosamente, o alemão foi substituído na Mercedes justamente por Hamilton.

Fonte: Correio