Startup baiana concorre em premiação internacional com app de reconhecimento facial

A startup baiana Colmeia Computação Afetiva está na final do concurso internacional de tecnologia Red Bull Basement. A startup criou um sistema que trabalha com inteligência artificial e identifica as emoções por meio das expressões faciais. O projeto tem intuito de ser utilizado em sala de aula e concorre atualmente a premiação internacional do Concurso Red Bull Basements com votações abertas entre os dias 26 e 29 de outubro, através do site: https://basement.redbull.com/pt-br/about .

“A Colmeia se molda a qualquer sistema de segurança já existente e será capaz de detectar rostos e reconhecer reincidências, mapear padrões cognitivos e criar perfis comportamentais”, informa William Rocha, fundador e CEO da startup. 

Criada em março deste ano, por William Rocha, a startup é fruto de dois anos de construção e desenvolvimento sendo um projeto de iniciação científica de William iniciado no Centro de Empreendedorismo e Inovação (CEI) do Centro Universitário UniRuy, onde estuda atualmente.

Além de William, a Colmeia é constituída por Elisandro Lima (mentor/COO), Tainá Amorim enquanto diretora administrativa, John Lenon Teixeira (advogado), Ana Vieira (analista de projetos), Gabriela Machado (consultora em Pesquisa e Desenvolvimento) e Raone Mota (desenvolvedor/coordenador de produtos). 

Segundo William, a startup em sua aplicação poderá ser utilizada em várias áreas como centros de grande fluxo de pessoas, veículos com sistema semi-autônomos, salas de aula e cinema, animais de produção, análise de mídia, drones semi-autônomos, e aplicações em neurociências. Atualmente a startup está em fase de prototipação e busca investimentos ou parcerias para implementação comercial.

A Red Bull Basements é um concurso voltado a universitários e projetos de impacto positivo e inovador por meio da tecnologia. A melhor ideia irá levar dois representantes para o Workshop Global na Europa onde a empresa levará as equipes escolhidas em cada canto do mundo, sendo um representante por país.  

Fonte: Correio