Operação Ícaro: traficante baiano preso em São Paulo chega a Salvador

O traficante baiano Carlos Augusto dos Santos Cruz Júnior, conhecido como Penga, preso em Ribeirão Preto (SP) na Operação Ícaro, chegou a Salvador na madrugada desta terça-feira (10). Ele era responsável pelo envio de drogas de São Paulo para uma organização criminosa, na Bahia.

Segundo informações da Secretaria da Segurança Pública (SSP), Penga atuava como gerente da organização criminosa e organizava remessas de maconha, cocaína e crack, além de armas e munições para os comparsas baianos. Os materiais  eram direcionados para o bairro de Sussuarana, na capital, e para as cidades de Camaçari e Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). 

O traficante veio em voo comercial acompanhado por investigadores do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco). Na pista do Aeroporto Internacional de Salvador, ele foi escoltado por equipes da Coordenação de Operações Especiais (COE). Após depoimentos e exames, ele seguirá para o sistema prisional.

Esquema
Penga faz parte de uma facção que movimentava R$ 2 milhões por mês com tráfico de drogas, roubos a bancos e lavagem de dinheiro. Quatorze mandados foram cumpridos por equipes do Draco, CPR Central, COE, Rondesp Central, Polinter, 48ª CIPM e GSI da Seap. DPT e MPE deram apoio.

Além de tráfico, roubos a bancos, porte ilegal de arma, homicídios e corrupção de menores, o grupo lavava dinheiro comprando imóveis e veículos. Um desses apartamentos, no edifício CItta, no Imbuí, foi comprado à vista. O imóvel teve sequestro judicial determinado a pedido da polícia, que localizou nele R$ 140 mil em dinheiro em um cofre e 50 celulares. Ao todo em toda ação, foram apreendidos R$ 300 mil em espécie, além de 300 kg de maconha, cocaína e crack, uma espingarda calibre 12, carregadores, munições, seis veículos, 55 celulares, um cofre e embalagens plásticas.

Fonte: Correio