Vozes da Comunidade: aspirantes à prefeitura propõem soluções para problemas de Salvador

Faltam dois dias para a eleição municipal, cujo primeiro turno acontece neste domingo (15). Mas ainda dá tempo de se informar sobre as propostas dos candidatos e candidatas à prefeitura de Salvador. Na hora de votar, eleitores levam diversas questões em conta e o CORREIO deu espaço para essas preocupações da população, com o projeto Vozes da Comunidade. Moradores de todas as 19 zonas eleitorais da capital enviaram vídeos sobre as demandas mais simbólicas de cada região para que concorrentes ao Palácio Tomé de Sousa respondessem com suas melhores propostas sobre os temas.

Os problemas do sistema de transporte urbano de Salvador foram citados por moradores de todas as zonas eleitorais, que pedem mais ônibus, reclamam do preço das passagens e da qualidade dos veículos. A cozinheira Adrina Nunes, 67, sente a dificuldade na pele desde que a Linha Lapa parou de passar perto da sua casa, em São João do Cabrito. Por isso, ela aprova as ideias dos candidatos de aumentar as linhas. A possibilidade de ver o preço do uber cair também a anima já que, muitas vezes, ela tem que esperar o ônibus por horas por não ter condições de pagar pelo transporte por aplicativo.

Os aspirantes à prefeitura de Salvador foram convidados a responder sobre 6 temas muito citados pela população nos vídeos enviados ao Vozes da Comunidade pelos eleitores: Transporte, Segurança, Saúde, Educação, Iluminação Pública e Coleta de lixo.

Ao todo, oito de nove postulantes à prefeitura responderam à maioria dos questionamentos da população. Apenas Rodrigo Pereira (PCO) não enviou respostas. Todas as gravações mandadas pelos candidatos e candidatas foram postadas nas redes sociais do CORREIO nesta quarta (11). Confira abaixo a playlist no YouTube do jornal. 

A doutora em Ciências Sociais e professora do Ifba campus Feira de Santana, Waneska Cunha, acredita que o projeto é importante por fomentar a participação política e aproximar a população do universo da política.

“A escolha dos candidatos pelo programa, não apenas pela pessoa que ele é, efetiva a participação. As pessoas precisam conhecer os candidatos e o que cada um tem a oferecer. Ao fazer a escolha de um candidato, você contribui não só para a composição das câmaras, mas leva o comportamento dessa pessoa para dentro da política”, afirmou a professora. Cunha ressalta ainda que depois da eleição é importante continuar acompanhando o candidato.

Para o mecânico de refrigeração Vinny Nascimento, 34, educação é um tema prioritário e o ensino na capital tem que melhorar. Depois de saber da propostas de alguns candidatos, ele comentou que espera que parte delas se tornem realidade. Uma das ideias aprovadas sugere a criação de equipes de acompanhamento de alunos em casa.

“Às vezes, o estudante está com problemas na escolas por algo que está ocorrendo em casa. Isso pode passar ignorado, mas se a pessoa receber apoio, ela pode conseguir produzir mais na escola”, comentou Vinny. 

Marilene Machado, 55, contou já ter passado horas no hospital e sair sem ser atendida. Ela desejava que fosse mais fácil marcar um consulta, ter acesso a um especialista a até ter uma unidade de saúde perto de casa. Soluções para todos estes problemas foram trazidas pelos candidatos em seus vídeos enviados ao CORREIO.

“O próximo prefeito tem que melhorar a saúde, a educação e o transporte, mas a saúde é o principal porque está muito ruim agora. Às vezes, as pessoas tomam remédio em casa para não precisar ir para a UPA ficar horas esperando”, relatou. Para ela, a marcação por consulta pela internet ou por telefone é fundamental. A possibilidade de já sair do posto com a consulta do especialista marcada também ajudaria muito, afirmou Marilene.

Regras

Para responderem, os candidatos seguiram algumas regras. As necessidades foram tabuladas pela equipe do CORREIO. Os nove postulantes à prefeitura de Salvador foram convidados a responder com seus compromissos de campanha diante das demandas apontadas. Cada aspirante ao Palácio Tomé de Sousa pôde enviar um vídeo de até 10 minutos apresentando suas pautas diante das demandas indicadas pelos leitores do jornal. Os vídeos têm caráter propositivo e não foram permitidas citações diretas e acusações a colegas e à Rede Bahia.

Os vídeos dos leitores foram publicados ao longo da segunda-feira (9), no Instagram do jornal (@correio24horas), com cidadãos e cidadãs apontando suas necessidades. Mais de 80 vídeos chegaram ao CORREIO pelos canais no  WhatsApp do jornal  (71) 98757-9445 e pelo email do jornalismo: redacao@correio24horas.com.br.

Os eleitores têm mostrado interesse no projeto, que teve um total de 84.117 visualizações no Instagram, Facebook e Youtube até às 19h desta quinta (12). Os vídeos dos leitores atingiram 67.790 visualizações nas três plataformas, já as postagem das gravações da respostas dos candidatos chegaram a 16.327 nas três redes sociais em menos de 24h.

O Vozes da Comunidade tem reportagem, produção, edição e direção de Jorge Gauthier, Adele Robichez, João Paulo Sebadelhe e colaboração de Osmar Marrom Martins.

*Confira as propostas dos candidatos

Transporte

Bacelar (Podemos)

  • Reforçar a frota de ônibus nas comunidades que mais precisam e aumentar o conforto dos ônibus, com ônibus com ar-condicionado.
  • Aumentar o tempo de integração para 4h e permitir a integração com os amarelinhos
  • Permitir o pagamento da meia passagem de domingo com o SalvadorCard
  • Incentivar o movimento Salvador vai de Bike para estimular o uso de bicicletas como transporte alternativo

Bruno Reis (DEM)

  • Redistribuir melhor as linhas de ônibus
  • Dar continuidade à renovação da frota, com GPS, câmeras e ar-condicionado
  • Avançar com à política construída na atual gestão com programas como foi com a implantação do bilhete único
  • Modernizar o transporte público, com a chegada de recursos federais que foram aprovados na Câmara e seguiu para o Senado
  • Articular para sensibilizar o Governo Federal e Estadual em prol de políticas de desoneração dos insumos de transporte público para baratear o custo de operação e avançar na área sem transferir os custos para o valor da tarifa

Celsinho Cotrim (Pros)

  • Facilitar o acesso da população para os modais do subúrbio, do meio e da orla
  • Colocar ônibus novos nas ruas, com ar-condicionado, vídeo-monitoramento para garantir a segurança e com tarifas baixas

Cezar Leite (PRTB)

  • Garantir transporte por via naútica para os moradores do subúrbio até o comércio e, assim, reduzir a necessidade de utilização dos ônibus
  • Criar mais itinerários de ônibus e retomar os itinerários que foram retirados devido ao metrô
  • Fazer uma integração melhor dos ônibus com outros modais
  • Rever totalmente a lei dos aplicativos de transporte para deixar o transporte por aplicativos mais barato e seguro

Major Denice (PT)

  • Colocar ônibus com ar-condicionado, limpos com conforto nas ruas
  • Interligar ônibus com metrô e VLT por meio dos bilhete único
  • Levar o VLT de Paripe até a nova rodoviária

Pastor Sargento Isidório (Avante)

  • Ampliar o tempo de integração para 3h
  • Citou a importância da reimplementação do transporte alternativo, as vans, para os bairros menores

Hilton Coelho (Psol), Rodrigo Pereira (PCO) e Olívia Santana (PCdoB) não responderam sobre transporte

Segurança

Bacelar (Podemos)

  • Intensificar a atuação da Guarda Municipal para que os agentes sejam um instrumento da prefeitura para proporcionar mais segurança 
  • Investir na capacitação dos guardas municipais
  • Implementar um sistema de indicadores eletrônicos e automatizados da Guarda Municipal com aplicações em dispositivos móveis sobre a violência nas escolas
  • Ouvir a população e trabalhar com o apoio dos moradores de Salvador para estabelecer planos locais de prevenção da violência armada por meio do acompanhamento mensal de dados do observatório municipal

Bruno Reis (DEM)

  • Fazer com que a Guarda Municipal tenha uma atuação cada vez mais cidadã 
  • Dar continuidade à ampliação do efetivo da guarda municipal
  • Iluminar 100% da cidade com LED já que a iluminação mais forte contribui para a segurança dos bairros
  • Dar oportunidade para a juventude, investindo na área cultural, de empreendedorismo, inovação e na educação de qualidade desde a pré-escola e com alfabetização no máximo com 6 anos para trazer mais perspectivas para os jovens no futuro
  • Usar o esporte como ferramenta de inclusão social no combate ao crime e à marginalidade,
  • Trabalhar na prevenção para reduzir os índices de criminalidade e marginalidade

Celsinho Cotrim (Pros)

  • Criação da secretaria de segurança pública municipal com o trabalho do Capitão Tadeu, que é doutor na área
  • Combater a causa da insegurança de forma transversal com ações que alinham a segurança à educação, ao transporte, à saúde e os demais serviços públicos

Cezar Leite (PRTB)

  • Criação da secretaria municipal de segurança pública, com o conselho de segurança pública, o plano municipal de segurança pública e o fundo municipal de segurança pública
  • Buscar dinheiro federal para capacitar a guarda municipal, comprar equipamentos, qualificar os agentes e comprar equipamentos de tecnologia
  • Garantir uma zona de segurança total começando pelo centro histórico e área do comércio, onde criminalidade será tolerância zero para moradores e turistas
  • Contratar mais guardas civis municipais e colocá-los juntos com serviços públicos, como escolas
  • Realizar campanha contra as drogas nas escolas

Hilton Coelho (Psol)

  • Garantir o direito à segurança por meio do debate crítico em relação à militarização da Guarda Municipal
  • Trabalhar a segurança a partir da lógica da garantia dos direitos
  • Lutar contra o genocídio da juventude negra 
  • Debater com a categoria a partir da lógica da desmilitarização, da carreira única, do ciclo completo para que ela, na gestão compartilhada da segurança pública, possa ser embaixadora do projeto de afirmação de direito

Pastor Sargento Isidório (Avante)

  • Continuar na luta pela melhoria no pagamento de salário dos policiais
  • Criação da secretaria de segurança pública no município para cumprir com o dever da prefeitura de assegurar a segurança

Major Denice (PT), Rodrigo Pereira (PCO) e Olívia Santana (PCdoB) não responderam sobre segurança

Saúde

Bacelar (Podemos)

  • Implantar novas unidades de saúde 
  • Construção de 5 novas policlínicas, em parceria com o Governo do Estado, com 14 especialidades e realização de exames como ressonância e tomografia computadorizada
  • Zerar as filas criadas no período da pandemia com o programa 3º turno, com atendimentos da manhã até a noite
  • Fortalecer a atenção básica e o programa saúde da família
  • Agilizar o tempo de marcação de consultas
  • Criar o programa Saúde nas Escolas, com a parceria entre as secretarias de Saúde e Educação
  • Implantação do programa Viver Melhor Idade para acolher e cuidar dos idosos

Bruno Reis (DEM)

  • Atingir 72% de cobertura de atenção básica, com cobertura de 100% em distritos com maior necessidade
  • Levar o médico para perto da casa das pessoas
  • Construção da Maternidade Municipal
  • Implantação da Clínica da Dor e de mais um Centro Especial de Reabilitação para Pessoas com Deficiência
  • Aumentar e avançar no investimento em saúde

Cezar Leite (PRTB)

  • Criação de uma rede de combate à Covid-19 para garantir o tratamento precoce e a profilaxia dando segurança para o povo trabalhar sem pânico
  • Aumentar o número de contratações de médicos especialistas
  • Fechar convênios com a iniciativa privada para ampliar o atendimento com serviços já bem estabelecidos na rede complementar
  • Garantir condições salariais, direitos da qualificação e capacitação para os agentes endêmicos e da saúde básica
  • Informatizar a rede para garantir a marcação de consultas online
  • Entrega em domicílio de remédios para idosos acima de 70 anos que fazem uso contínuo de medicamentos para evitar doenças que os façam ir aos hospitais e emergências

Hilton Coelho (Psol)

  • Auditar as compras do serviço de saúde pela prefeitura para combater fraudes e máfias
  • Fortalecer a atenção primária
  • Trazer a saúde pública e universal de qualidade para atender as necessidade da população e não os interesses do setor privado de vendas de serviço

Major Denice (PT)

  • Fomentar a atuação básica de saúde
  • Fomentar a saúde da família
  • Garantir equipes médicas nos postos de saúde
  • Trazer mais 4 policlínicas para dar para a população espaços de consultas e exames perto das suas casas

Olívia Santana (PCdoB)

  • Ampliar a cobertura da atenção básica da saúde
  • Integrar a rede primária à rede especializada
  • Adotar o prontuário digital com a inclusão de novas tecnologias para facilitar a vida da população
  • Tornar a atenção primária mais eficaz para que as pessoas possam fazer exames e consigam ser atendidas
  • Permitir que o paciente já saia do posto de saúde com a consulta com especialistas marcada
  • Implantar mais UPAS e garantir o bom funcionamento da rede de alta complexidade e dos hospitais
  • Construção da maternidade municipal

Pastor Sargento Isidório (Avante)

  • Buscar criar um Hospital Municipal no Subúrbio e uma maternidade municipal
  • Colocar todas as unidades de saúde para funcionar
  • Permitir a marcação de exames e consultas e saber o resultado de exames por chamadas inteligentes ou por celular
  • Reduzir o tempo de espera para fazer cirurgias
  • Estabelecer a eleição para as prefeituras-bairro e ampliar a rede de prefeitura-bairro para 20 unidades
  • Ouvir a população

Celsinho Cotrim (Pros) e Rodrigo Pereira (PCO) não responderam sobre saúde

Educação

Bacelar (Podemos)

  • Trabalhar para que as escolas municipais tenham a mesma qualidade das privadas
  • Implantar o programa Comunidades Educadoras baseado na preparação de Educadores para visitar semanalmente as famílias dos estudantes da rede municipal que apresentam dois dos seguintes fatores: queda brusca de desempenho escolar nos últimos 4 meses; evasão ou taxa de frequência inferior a 60%; sinais de violência; sinais de negligência ou abandono; residência em área de risco

Bruno Reis (DEM)

  • Seguir melhorando a qualidade de ensino e avançando na educação com os projetos já existentes no atual governo
  • Enfrentar o desafio de universalizar o acesso às creches para garantir que a mãe possa trabalhar colocando seu filho nas creches e facilitando a alfabetização da criança
  • Construção e reconstrução de mais escolas, especialmente, no bairros populares

Celsinho Cotrim (Pros)

  • Ofertar educação de qualidade e mais escolas, especialmente nos bairros populares
  • Implementar a educação em tempo integral, com oferta de aulas de línguas, informática e resgate dos valores humanos, das famílias e do respeito aos pais, os mais velho e as mulheres

Hilton Coelho (Psol)

  • Acabar com o processo de empacotamento da educação, que compra a concepção pedagógica, materiais e formação externos à Salvador e não aproveitam a capacidade de elaboração a partir de uma cidade tão rica do ponto de vista cultural e de elemento da ciência, filosofia e arte.

Major Denice (PT)

  • Priorizar a educação 
  • Aumentar o número de vagas em creches
  • Ofertar educação em tempo integral
  • Valorizar os servidores da educação

Olívia Santana (PCdoB)

  • Comprometimento com a educação em tempo integral para adolescentes com a incorporação de atividades de arte, cultura e esporte
  • Criação do Programa Dever de Casa para dar suporte aos estudos do adolescente, especialmente no Ensino Fundamental, para que os estudantes possam fazer as atividades de casa mesmo quando os pais não conseguem dar o suporte por falta de formação
  • Fomentar a educação integral e integrada para criar um ambiente muito mais desenvolvido e de mais sustentação para os adolescentes.
  • Criar o Novo programa de Educação de Jovens e Adultos (EJA) voltado para o mundo do trabalho com a introdução da tecnologia e uso de educação remota como suporte para o trabalho dos professores. 
  • Programa do Novo Eja deve contar com parcerias com institutos federais, universidades públicas, Senai Cimatec e instituições privadas  para criar um programa de educação mais amplo e conectado com o mundo do trabalho para gerar oportunidades educacionais e formar mão de obra articulado com a busca de vagas de empregos e empreendedorismo

Pastor Sargento Isidório (Avante)

  • Ampliar a educação em tempo integral nas escolas

Cezar Leite (PRTB) e Rodrigo Pereira (PCO) não responderam sobre educação

Iluminação

Bruno Reis (DEM)

  • Atingir 100% da iluminação da cidade modernizada com uso de LED, o que aumenta a segurança e barateia o consumo de energia fazendo sobrar recursos para investimentos
  • Seguir investindo em telegestão para quando a lâmpada queimar poder ser realizada a troca imediata pela prefeitura após sistemas de tecnologia informarem que é necessário fazer a reposição
  • Seguir investindo na iluminação de monumentos públicos 

Celsinho Cotrim (Pros)

  • Fazer a iluminação pública chegar nos bairros populares 
  • Trocar as lâmpadas amarelas por lâmpadas de LED
  • Implementar o programa Salvador 100% iluminada para garantir a iluminação de LED em toda cidade

Cezar Leite (PRTB)

  • Estabelecer Parceria público-privada de iluminação em Salvador para garantir a iluminação de toda a cidade, especialmente, comentando com os bairros mais pobres
  • Acabar com a interferência política em relação às solicitações de iluminação

Hilton Coelho (Psol)

  • Acabar com o fisiologismo do direito à iluminação, no qual as comunidades são iluminadas nas vésperas das eleições para votar nos candidatos
  • Permitir que a liderança da associação de moradores faça pedidos de iluminação pública e, posteriormente, possa acompanhar a situação do pedido no portal da transparência com uma legislação que determine o limite máximo de dias para a realização do serviço
  • Garantir o direito à iluminação pública

Pastor Sargento Isidório (Avante)

  • Continuar iluminando a cidade pois ajuda na segurança pública e dá mais conforto para as pessoas
  • Garantir a iluminação de guetos, periferias, vielas e escadas

Bacelar (Podemos), Major Denice (PT), Rodrigo Pereira (PCO) e Olívia Santana (PCdoB) não responderam sobre iluminação

Coleta de Lixo

Bruno Reis (DEM)

  • Investir cada vez mais em um coleta de lixo eficiente e na coleta seletiva
  • Investir nos espaços SO+MA, onde pode selecionar os recicláveis 
  • Ampliar a fiscalização da coleta
  • Realizar campanhas educativas para que as pessoas saibam a hora de colocar o lixo para ser recolhido
  • Seguir investindo em Ecopontos
  • Ampliar o número de contêineres subterrâneos para facilitar a coleta
  • Ampliar os locais com containers nos bairros para não haver acúmulo de lixo fora dos containers

Celsinho Cotrim (Pros)

  • Intensificar a coleta de lixo
  • Facilitar o acesso para a coleta nas portas das casas
  • Colocar pontos de coleta em um local central dos bairros caso não seja possível retirar o lixo nas casas

Cezar Leite (PRTB)

  • Contratar cooperativas e associações de bairro para limpeza do bairro e separação do lixo que pode ser reciclado
  • Conscientizar a população
  • Abrir licitação para empresas de reciclagem em Salvador com isenção de impostos para coletar o lixo reciclável, levar para a reciclagem e fazer um novo produto

Hilton Coelho (Psol)

  • Realizar de fato a coleta seletiva
  • Acabar com a exploração dos trabalhadores
  • Efetivar o projeto uma usina por bairro para que catadores possam prensar o que coletaram e aumentar sua renda
  • Fortalecer a limpurb para dirigir a coleta de  resíduos sólidos e garantir a sustentabilidade

Major Denice (PT)

  • Realizar coleta seletiva e regionalizada
  • Fomentar a economia solidária dos catadores de lixo
  • Pactuar com a Embasa para solucionar a demanda de esgoto

Pastor Sargento Isidório (Avante)

  • Valorizar os catadores de lixo, que serão chamados de agentes de limpeza
  • Respeitar os garis
  • Pagar os salários de terceirizados diretamente pela Prefeitura

Rodrigo Pereira (PCO), Bacelar (Podemos) e Olívia Santana (PCdoB) não responderam sobre coleta de lixo

*As respostas dos candidatos e candidatas foram publicadas em ordem alfabética, conforme envio dos vídeos.

**Com a orientação da subeditora Fernanda Varela

Fonte: Correio